PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Giuliano revela ansiedade para o Dérbi: 'Tudo para fazer um grande jogo'

Giuliano, jogador do Corinthians, durante entrevista coletiva - Reprodução/YouTube
Giuliano, jogador do Corinthians, durante entrevista coletiva Imagem: Reprodução/YouTube

Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

24/09/2021 12h56

Classificação e Jogos

Titular do time do Corinthians desde sua chegada ao clube do Parque São Jorge, o meia Giuliano vai jogar pela primeira vez o clássico paulista diante do Palmeiras. Peça-chave no esquema do técnico Sylvinho, o camisa 11 do Timão espera um duelo complicado diante do rival, mas vê o Alvinegro preparado para o Dérbi, que será disputado no sábado (25), às 19h (horário de Brasília), na Neo Química Arena.

"Temos tudo para fazer um grande jogo amanhã, fizemos uma grande preparação, sabemos que precisamos vencer dentro de casa e melhorar como mandante. Estamos no caminho, acredito na equipe, no treinador e temos tudo para fazer um grande jogo amanhã", afirmou o jogador em coletiva de imprensa no CT Joaquim Grava.

Embora seja recém-chegado ao Corinthians, Giuliano já assumiu um papel de liderança dentro do elenco. Aos 31 anos e credenciado por passagens pela Seleção Brasileira e clubes do exterior, o meio-campista também falou sobre a pressão exercida pela torcida em cima da comissão técnica e saiu em defesa do técnico Sylvinho.

"Essa falta de paciência não é só do torcedor, é também da imprensa, devido ao imediatismo do futebol brasileiro. Quando você tem contratações, não se dá muito tempo de adaptação para que elas estejam na melhor condição física, para que possam performar, isso acelera o processo. O fato de termos tido quatro contratações num período curto, claro que há pressão para que a gente jogue bem, ganhe sempre de 3 a 0 e encante, mas leva tempo, é necessário ter paciência", cravou o atleta.

O Corinthians vem de uma sequência de sete jogos sem derrota no Campeonato Brasileiro, o que colocou o time dentro da zona de classificação para a Copa Libertadores da próxima temporada. No entanto, a equipe tropeçou nas últimas três rodadas, somando empates com Juventude, Atlético-GO e América-MG, o que a impediu de entrar no grupo dos quatro primeiros colocados.

Por conta deste cenário e da dificuldade apresentada pela equipe no plano ofensivo, o técnico Sylvinho entrará no clássico com o Palmeiras pressionado. O Corinthians soma 30 pontos ganhos, ainda não venceu nem um clássico sequer em casa nesta temporada e precisa dar uma resposta em campo diante de seu maior rival.

"É uma equipe de muita qualidade, que está bem no campeonato e que vai jogar uma decisão pela Libertadores. Mas nosso jogo é contra o Palmeiras, não existe Palmeiras A ou Palmeiras B, titular ou reserva, é a mesma equipe. Será um jogo muito difícil, sabemos da qualidade deles, mas queremos vencer, jogar bem, nos impor em casa e dar alegria ao nosso torcedor. Será um jogo decidido em detalhes, em ajustes técnicos, táticos, individualidades, imposição. Que seja um jogo muito divertido para quem estiver assistindo", concluiu o camisa 11 do Timão.

Corinthians