PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Veja qual será o protocolo para a volta da torcida aos estádios em SP

Neo Química Arena, estádio do Corinthians, será um dos que voltarão a receber público a partir de outubro - Ettore Chiereguini/Ettore Chiereguini/AGIF
Neo Química Arena, estádio do Corinthians, será um dos que voltarão a receber público a partir de outubro Imagem: Ettore Chiereguini/Ettore Chiereguini/AGIF

Do UOL, em São Paulo

24/09/2021 07h55

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou ontem o retorno gradual dos torcedores aos estádios de futebol do estado a partir de 4 de outubro.

Há, no entanto, alguns protocolos a serem cumpridos para que o cidadão comum consiga acompanhar uma partida das arquibancadas.

A primeira delas, além da compra do ingresso, é estar 100% vacinado: será necessário apresentar, na porta dos estádios, o comprovante das duas doses da imunização da Coronavac, Astrazeneca ou Pfizer - no caso da Janssen, como a dose é única, basta exibir a caderneta referente.

Quem está parcialmente imunizado também poderá assistir a um jogo presencial, desde que este torcedor comprove um teste negativo de covid-19 com validade de 48h para os do tipo PCR (ou de 24h para os testes de antígeno). Quem não tomou nenhuma vacina está proibido de frequentar estádios.

Estar vacinado é ação obrigatória para quem quer voltar a frequentar estádios - iStock - iStock
Estar vacinado é ação obrigatória para quem quer voltar a frequentar estádios
Imagem: iStock

Além disto, o governo paulista afirmou que o "uso de máscara é obrigatório em todos os setores do estádio" - não foram divulgados, até o momento, detalhes sobre possíveis punições aos infratores.

Estádios cheios? No começo, não

A medida divulgada na noite de ontem também detalha a lotação máxima dos estádios ao longo do tempo.

Entre os dias 4 e 15 de outubro, apenas 30% da capacidade total de cada local poderá ser ocupada. A partir daí, este número sobe para 50% até 1° de novembro.

Nos dois últimos meses do ano, ainda de acordo com Doria, os estádios poderão ter, novamente, 100% de lotação.

Leia o comunicado oficial do governo de São Paulo:

"O Comitê Científico do Governo do Estado de São Paulo autorizou a volta do público nos estádios de futebol a partir do dia 4 de outubro. A capacidade será limitada para 30%, com o cumprimento de todas as normas sanitárias e de prevenção contra a Covid-19. Após o dia 16 de outubro a capacidade será ampliada para 50%.

Para o ingresso nos estádios, os clubes devem exigir um comprovante com esquema vacinal completo, ou seja, duas doses da vacina Coronavac, Astrazeneca e Pfizer ou dose única da Janssen. Quem ainda não tiver concluído o esquema vacinal, deverá ter tomado ao menos uma dose de vacina e apresentar um teste negativo com validade de 48h para os do tipo PCR ou 24h para os testes de antígeno. O uso de máscara é obrigatório em todos os setores do estádio".

Futebol