PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Cuca tem de quebrar barreira de Abel no Palmeiras para levar Galo à final

Felipe Melo e Hulk disputam a bola durante o jogo entre Palmeiras e Atlético-MG - Conmebol
Felipe Melo e Hulk disputam a bola durante o jogo entre Palmeiras e Atlético-MG Imagem: Conmebol

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

22/09/2021 04h00

Classificação e Jogos

O empate sem gols no primeiro duelo das semifinais da Libertadores causou sensação parecida em Abel Ferreira e Cuca, técnicos de Palmeiras e Atlético-MG, respectivamente.

Enquanto o português viu o time neutralizar os mineiros, donos da melhor campanha da fase de grupos e sensação do torneio ao eliminar Boca Juniors e River Plate, ambos da Argentina, nas fases seguintes, o curitibano destacou a superioridade atleticana nos primeiros 90 minutos de bola rolando no Allianz Parque.

Com maior posse de bola (58,5% x 41,5%), com mais finalizações (11 a 4) e jogando à vontade fora de seus domínios, o Galo teve penalidade desperdiçada por Hulk, mas conseguiu impedir as ofensivas do alviverde. Contudo, com o resultado, quebrou uma série de 14 jogos sem deixar de balançar a rede em seus confrontos.

E é exatamente neste número que o Palmeiras se apega para estragar a festa dos torcedores que estarão presentes ao Mineirão na próxima terça-feira (28); mas em outro quesito. Pelo torneio de clubes mais importante da América do Sul, os paulistas, atuais campeões, não perdem há 14 jogos como visitantes.

Prevendo um duelo mais bonito de ser ver, Cuca terá que estudar essa primeira partida para encontrar mais caminhos para furar a defesa palmeirense e conquistar o triunfo caso queira sair com a classificação no tempo normal. Cabe lembrar que, em caso de novo 0 a 0, a decisão da vaga para a final saíra nas cobranças por pênaltis; pelo critério do gol qualificado, qualquer outro empate dá ao Palmeiras a chance de lutar pelo bicampeonato.

Diego Costa vira dúvida

Fortíssimo em seus domínios, o Galo ainda não sabe se poderá contar com o atacante Diego Costa, que deixou o gramado do Allianz Parque reclamando de dores na coxa esquerda. O sergipano de 32 anos, que fez sua estreia em Libertadores, fará exame de imagem nesta quarta-feira (22).

Compromisso pelo Brasileirão

Antes de fazer o duelo decisivo contra o Palmeiras, o Atlético-MG volta a São Paulo e encara o Tricolor, comandado por Crespo, na 22ª rodada do Brasileirão. A bola rola a partir de 21h (de Brasília), do próximo sábado (25), no Morumbi.

Pensando num jogo mais rápido contra o alviverde, Cuca deve poupar algumas peças neste fim de semana.

Atlético-MG