PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Atlético-MG ameaça jogar com torcida se Fla desrespeitar acordo coletivo

Estádio do Mineirão pronto para partida do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro 2021 - Fernando Moreno/AGIF
Estádio do Mineirão pronto para partida do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro 2021 Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Guilherme Piu e Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

15/09/2021 16h36

Classificação e Jogos

O Atlético-MG conseguiu no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) uma liminar que garante ao clube o direito de, como mandante, jogar com a presença de público em competições organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Entretanto, até agora o Galo respeitou o acordo com a maioria dos clubes que jogam à Série A do Brasileirão, e, com isso, jogou com portões fechados no campeonato e Copa do Brasil. Este cenário pode mudar caso o Flamengo descumpra o acordo coletivo firmado entre as equipes.

Em nota oficial o time mineiro justificou sua decisão:

"Caso o Flamengo não respeite o acordo estabelecido e dê andamento às intenções manifestas de levar público aos jogos do Brasileirão, o Atlético fará uso da mesma prerrogativa e também terá torcida em suas partidas em casa. A decisão se baseia no fato de o Flamengo ser concorrente direto do Galo ao título da competição e, portanto, devem gozar das mesmas condições", diz parte da nota oficial enviada à imprensa nesta quarta-feira (15).

Em reunião com a cúpula da CBF realizada nos últimos dias, 19 representantes dos clubes da Primeira Divisão — menos o Flamengo, que esteve ausente —, definiram que a partir da 23ª rodada do Brasileirão os jogos já poderiam acontecer com a presença de público, desde que houvesse permissão por parte das autoridades locais. Como já existe em Belo Horizonte, por exemplo, onde a prefeitura da cidade já estabeleceu normas específicas com protocolos sanitários para o retorno do torcedor aos estádios. No Rio de Janeiro também há, por isso a pressão do Flamengo em quebrar o acordo feito previamente entre os demais componentes do campeonato.

"Conforme é de conhecimento público, o Atlético é detentor de liminar que lhe garante jogar com torcida em seus jogos como mandante. Não obstante, o Galo decidiu que respeitará o acordo existente entre os clubes, a fim de assegurar isonomia esportiva entre os participantes do Brasileirão e da Copa do Brasil", informa outra parte da nota atleticana.

Há um movimento nos bastidores do futebol brasileiro, conforme o UOL Esporte noticiou de forma antecipada, de tentativa de adiamento da próxima rodada do Brasileirão caso o Flamengo descumpra o combinado pela maioria dos participantes da Série A. Presidente de diversos clubes devem se manifestar nas próximas horas sobre esse imbróglio.

Atlético-MG