PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Como Richarlison virou exemplo para ida de Muniz do Flamengo ao Fulham

Rodrigo Muniz comemora gol do Flamengo  - Gabriel Machado/AGIF
Rodrigo Muniz comemora gol do Flamengo Imagem: Gabriel Machado/AGIF

Bruno Andrade e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

31/07/2021 04h00

Recém-contratado pelo Fulham, o técnico português Marco Silva teve um papel decisivo na negociação de Rodrigo Muniz, que vai trocar o Flamengo pelo clube inglês.

Para atrair o atacante, Silva conversou bastante com o jogador e usou o também brasileiro Richarlison como exemplo para ter sucesso em sua tática de convencimento. O treinador português foi o responsável por levar para o futebol inglês o ex-atacante do Fluminense, também depois de um período de análises e contatos telefônicos.

Na época, apesar de ter uma boa proposta do Ajax (HOL), Marco fez a cabeça do hoje titular de Tite para que ele aceitasse o convite do modesto Watford em 2017. Conseguiu. Lá, a dupla criou uma relação de "pai e filho", que ganhou mais força na temporada seguinte, desta vez no Everton (ING), quando foram trabalhar novamente juntos.

Com esse histórico, a entrada de Marco Silva na cena foi considerada decisiva para o desfecho da negociação. Diante da insistência do treinador e atraído pela possibilidade de ter o mesmo destino do colega de posição, Muniz ficou inclinado pelo clube londrino, assim como seus agentes. O casamento, no entanto, quase não foi concretizado.

Richarlison no Everton - REUTERS/David Klein - REUTERS/David Klein
Richarlison e Marco Silva criaram uma relação forte na Inglaterra
Imagem: REUTERS/David Klein

Após o Middlesbrough formalizar uma proposta de compra, os londrinos tiveram de mudar a estratégia, desistiram de tentar o empréstimo e se definiram pela aquisição. O clube vai pagar 8 milhões de euros (aproximadamente R$ 48 milhões) e o Fla manteve 20% de uma futura venda.

A transação foi costurada após encontros do vice de futebol Marcos Braz e do diretor Bruno Spindel, que estão em Lisboa e mantiveram contato com os interessados ao longo dos últimos dias.

Recentemente, o Al Nasr, da Arábia Saudita, tentou o negócio e ofereceu altos salários ao jogador. Os sauditas estavam dispostos a pagar 4 milhões de euros (R$ 24,5 milhões) por 50% dos direitos econômicos do atleta, que tem contrato com o Fla até maio de 2024. A negociação não avançou e Muniz jogará pelo Fulham a partir de agora. Para sua alegria e também de Marco Silva.

Flamengo