PUBLICIDADE
Topo

Eurocopa - 2021

Uefa vai apurar possíveis cantos racistas e homofóbicos em jogos da Hungria

Puskás Arena, em Budapeste, ficou lotada nos dois jogos da Hungria nesta edição da Eurocopa -  Darko Bandic - Pool/Getty Images
Puskás Arena, em Budapeste, ficou lotada nos dois jogos da Hungria nesta edição da Eurocopa Imagem: Darko Bandic - Pool/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

20/06/2021 15h33

Classificação e Jogos

A Uefa afirmou, na tarde de hoje, que vai abrir uma investigação para apurar se houve algum tipo racismo e homofobia por parte de torcedores nos jogos da Hungria nesta Eurocopa.

Em comunicado, a entidade informou que já nomeou um inspetor para conduzir o caso. As partidas mencionadas são Hungria x Portugal, realizada no dia 15, e Hungria x França, ocorrida ontem.

Os dois confrontos aconteceram na Puskás Arena, em Budapeste, capital do país do leste europeu. Como o governo local não restringiu a capacidade do público mesmo diante da pandemia, o estádio lotou nas duas ocasiões.

A equipe treinada por Marco Rossi perdeu por 3 a 0 o primeiro compromisso e empatou, diante dos franceses, em 1 a 1 o seu segundo jogo.

"De acordo com o Artigo 31 (4) dos Regulamentos Disciplinares da Uefa, um inspetor de Ética e Disciplina foi nomeado para conduzir uma investigação disciplinar relativa a potenciais incidentes discriminatórios ocorridos na Puskás Arena, em Budapeste, durante os jogos da fase de grupos da Eurocopa entre as seleções da Hungria e de Portugal, em 15 de junho de 2021, e entre as seleções de Hungria e de França, disputado em 19 de junho de 2021", comunicou a Uefa.

Na semana passada, o parlamento húngaro aprovou uma lei que proíbe a "promoção" da homossexualidade entre os menores de idade.