PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Ramírez elogia profissionalismo de Rodinei: "Sabe que não vai ficar"

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

09/05/2021 12h00

Miguel Ángel Ramírez elogiou o profissionalismo de Rodinei. Após a vitória por 4 a 1 do Inter sobre o Juventude, que garantiu vaga na final do Gauchão, o técnico espanhol lembrou que o lateral sabe que não permanecerá no clube ao fim de seu contrato e ainda assim tem contribuído bastante. Ontem (8), marcou mais um gol.

De cabeça, o jogador de 29 anos fez o último do jogo. Foi seu segundo gol na temporada em que é líder de assistências do time, com sete.

O problema para permanência é financeiro. Com cláusula de compra considerada alta e a recusa do Flamengo ao ceder novo empréstimo, o jogador não irá permanecer no Sul. Seu vínculo vence no fim deste mês.

"Eu estou muito contente com o desempenho do Rodinei. Isso fala muito bem do profissionalismo dele. Está acabando seu contrato, ele sabe que não vai ficar, que vai voltar para seu clube, e está sendo muito profissional, muito generoso com o esforço, e aplicado. É o que dissemos para ele, que tem que fazer da melhor maneira, e isso fala muito bem do profissionalismo dele. Da qualidade não precisamos falar, porque todos sabem do jogador que é, das qualidades que tem", falou o espanhol.

Sem reposição na direita

Miguel Ángel Ramírez ainda confirmou a informação dada pelo UOL Esporte no fim de abril. O Colorado não planeja uma reposição para a lateral direita. Segundo ele, há opções no grupo e na base.

"O clube sabe o que eu penso e eu sei da condição do clube. Estamos preparados para isso. Temos o Saravia, o Heitor, os meninos da base, como Mazetti, que já treina conosco, e o menino do sub-20 que eu vi ontem (Ramírez esteve no jogo da equipe inferior), o Vinicius Tobias. Este é o ciclo da vida e do futebol. Agora está ele (Rodinei), e quando não estiver estará outro. Perder um grande jogador faz parte do futebol. O Inter vive uma situação em que podemos fazer algumas coisas, outras não", sentenciou.

O Colorado volta a campo na terça-feira para encarar o Deportivo Táchira, na Venezuela, pela Libertadores.

Internacional