PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Cruzeiro: Itair Machado é condenado de novo por crime contra Bruno Vicintin

Itair Machado ocupou a vice-presidência de futebol do Cruzeiro na gestão sob investigação do MPMG - Vinnicius Silva/Cruzeiro
Itair Machado ocupou a vice-presidência de futebol do Cruzeiro na gestão sob investigação do MPMG Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Guilherme Piu e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte e São Paulo

27/04/2021 21h28

Ex-vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Itair Machado foi condenado por injúria e difamação a Bruno Vicintin, que ocupou o cargo entre 2015 e 2017. A sentença estabelece cinco meses e dez dias de detenção e 12 dias de multa, com pagamentos de cinco salários mínimos em cada.

Como é réu primária e o caso não representa um crime grave, a pena de detenção foi substituída por 20 salários mínimos. Acumulado ao valor da multa, Itair Machado terá que pagar 80 salários mínimos — R$ 88 mil — por causa do crime contra o seu antecessor.

Ex-vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin acionou Itair Machado na justiça - Divulgação - Divulgação
Ex-vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin acionou Itair Machado na justiça
Imagem: Divulgação

O ex-vice-presidente do Cruzeiro, que também é alvo de denúncia do Ministério Público por causa da gestão à frente do clube, foi condenado em primeira instância em fevereiro do ano passado. Na tarde de hoje (27), a decisão foi mantida pela turma recursal, composta por três magistrados.

Itair Machado ainda pode recorrer sobre o caso em Brasília, com o intuito de pedir revisão técnica da decisão judicial. O UOL Esporte tentou contato com o ex-dirigente a fim de questioná-lo sobre o caso, mas não o encontrou.

A polêmica entre Bruno Vicintin e Itair Machado se iniciou no fim da temporada 2017. À época, Itair deu declarações criticando o seu antecessor, o que culminou em um processo judicial.

Cruzeiro