PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Morre José Acras, conselheiro que levou Ceni para o São Paulo em 1990

Do UOL, em São Paulo

27/10/2020 20h45

Conselheiro vitalício do São Paulo, José Acras (92) faleceu hoje (27). Ele era sócio do clube desde 1942 e foi diretor adjunto de futebol na década de 1990. Ele, inclusive, foi um dos responsáveis por levar Rogério Ceni ao Morumbi.

Em seu caso mais emblemático à frente do clube, José Acras permitiu que o então jovem goleiro tivesse uma segunda chance em um teste no Tricolor paulista.

Em 5 de setembro de 1990, Rogério Ceni tinha marcado um teste para iniciar a sua passagem pelo São Paulo. À época, no entanto, se atrapalhou com o trânsito da capital paulista e não conseguiu chegar a tempo à atividade, perdendo a chance de iniciar a caminhada pelo clube em que fez história.

Com a ajuda de José Acras, conseguiu um novo teste no dia 7 de setembro. O conselheiro vitalício havia recebido a indicação de um dirigente do Sinop-MT, time em que o ex-atleta foi revelado.

São Paulo