PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro: "Palmeiras precisa saber bem o que está fazendo se contratar Heinze"

Do UOL, em São Paulo

23/10/2020 18h23

O Palmeiras segue na busca por um técnico para o lugar de Vanderlei Luxemburgo depois de não conseguir o acerto com o espanhol Miguel Angel Ramirez, que optou permanecer no Independiente Del Valle até o fim da temporada, e o nome do argentino Gabriel Heinze, ex-treinador do Vélez Sarsfield, foi mais um que entrou na pauta, com pedidos dos próprios torcedores nas redes sociais.

No podcast Posse de Bola #67, Mauro Cezar Pereira analisa o interesse no treinador argentino e ressalta a necessidade de o clube entender qual é o perfil de Heinze, que fez trabalhos elogiados na Argentina, mas também se mostrou como temperamental, com atritos internos e também com os jornalistas.

"É considerado um técnico com muita preocupação tática, digamos assim, na montagem de suas equipes, é um cara que tem um histórico de conflitos com jornalistas nas coletivas, muito impaciente, discute com repórter, reclama, é bem complicado, um temperamento forte e é um cara extremamente exigente", diz Mauro Cezar.

"O Palmeiras acertando com ele, é fundamental uma conversa com ele e também seria muito importante conversas com pessoas lá da Argentina que o conhecem bem, que sabem bem quem é ele, para que amanhã ninguém se surpreenda com o estilo do treinador. Não estou dizendo que ele é ruim, não é isso, é entender qual é o perfil do profissional", completa.

O jornalista afirma que o Palmeiras precisa entender que o perfil de Heinze é diferente do espanhol Miguel Angel Ramirez, primeiro nome procurado pelos dirigentes. Mauro Cezar também diz acreditar que o clube precisa de um treinador estrangeiro para o que diz querer no momento.

"O Palmeiras tem que saber bem o que ele está fazendo, porque são perfis diferentes, o Miguel Angel Ramirez é um cara jovem, digamos assim, de um outro estilo, não é um cara tão agressivo. O que eles têm em comum? São estrangeiros, um argentino e o outro espanhol, mas não são perfis idênticos", afirma o colunista do UOL.

"Tem que ser um estrangeiro? Eu acho que a busca por um técnico de fora, ela só reflete a falta de opções, de boas opções aqui no Brasil. Não existe uma boa opção, você não vê, você vê alguns técnicos que são até bons profissionais, mas que já passaram por vários clubes e que não despertam tanta expectativa, você já tem uma ideia do que vai acontecer. Não que sejam ruins, tem alguns nomes até que são bons, mas o Palmeiras quer mais, ele precisa de mais. E, aparentemente, isso o que o Palmeiras precisa já, para começar a fazer já, ninguém no Brasil oferece", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol