PUBLICIDADE
Topo

Futebol

6 times da Série A já demitiram técnicos em 2020; veja as 9 trocas feitas

Técnico português Jesualdo Ferreira foi demitido do Santos ontem (5) - Ivan Storti/Santos FC
Técnico português Jesualdo Ferreira foi demitido do Santos ontem (5) Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Do UOL, em Santos (SP)

06/08/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Seis times da Série A já demitiram técnicos na temporada 2020
  • Santos foi o último deles, com o português Jesualdo Ferreira
  • Galo, Botafogo, Ceará, Sport, Atlético-GO já haviam feito o mesmo

O Santos foi o sexto time da elite do futebol brasileiro a demitir um técnico na temporada de 2020. Na tarde de ontem (5), o clube da Vila Belmiro anunciou a saída do português Jesualdo Ferreira, que assumiu o time no começo do ano para substituir o argentino Jorge Sampaoli.

Antes do Santos, outros cinco clubes já haviam demitido técnico em 2020. O Atlético-MG, que hoje conta com o próprio Sampaoli, dispensou o venezuelano Rafael Dudamel depois de apenas dez jogos do treinador no comando.

O Botafogo, por sua vez, demitiu Alberto Valentim depois da derrota por 3 a 0 para o rival Fluminense, pelo Campeonato Carioca. Dias depois, anunciou Paulo Autuori, seu atual comandante.

No Nordeste, um caso curioso. No dia 9 de fevereiro, o Ceará demitiu Argel Fucks após um tropeço na Copa do Nordeste. Já no dia 13, foi a vez de o Sport mandar Guto Ferreira embora por conta da eliminação na Copa do Brasil. Cinco dias depois, o Alvinegro anunciou o 'Gordiola', técnico que ontem levou o time ao título da competição regional.

Cristóvão Borges foi demitido em fevereiro do Atlético-GO com apenas uma derrota em sete partidas. O clube justificou a saída afirmando 'não estar satisfeito com a metodologia de trabalho do treinador'.

No caso do Vasco, Abel Braga e o clube chegaram a um consenso de não dar mais continuidade ao trabalho. "Saio para que o clube encontre um profissional que tenha tempo para trabalhar e tentar os ajustes necessários", disse o treinador em março. Hoje, Ramon Menezes é o comandante do Cruzmaltino.

Além das demissões, outros dois clubes da Série A precisaram realizar trocas no comando técnico neste ano, mas por vontade dos próprios treinadores. O Flamengo trouxe o espanhol Domènec Torrent para a vaga de Jorge Jesus, que seguiu para o Benfica, enquanto o Red Bull Bragantino contratou Felipe Conceição para o lugar de Antônio Carlos Zago, que foi para o Japão.

Futebol