PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Atlético-MG vai parcelar o pagamento de R$ 12,3 milhões por Keno

Keno, ex-jogador do Palmeiras, fechou com o Atlético-MG no mercado da bola - Daniel Vorley/AGIF
Keno, ex-jogador do Palmeiras, fechou com o Atlético-MG no mercado da bola Imagem: Daniel Vorley/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

18/06/2020 13h37

O Atlético-MG acertou a compra de Keno por exatos 2,3 milhões de dólares (R$ 12,3 milhões na cotação atual). O valor será pago até 2021. Haverá uma entrada agora, e o restante será quitado apenas no próximo ano. O contrato do atacante se encerrará em dezembro de 2023.

Ele foi anunciado na manhã de hoje (18) pelo presidente Sérgio Sette Câmara e é esperado no Brasil em 1º de julho. O atleta de 30 anos, que pertencia ao Pyramids, do Egito, aguarda o fim do empréstimo ao Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, para viajar a Belo Horizonte.

Inicialmente, os egípcios queriam cerca de 10 milhões de euros (R$ 59,96 milhões) pela liberação de Keno. O acordo se desenhou por três milhões de euros (R$ 17,99 milhões). Porém, conforme informado pelo UOL Esporte, na manhã de ontem (17), o Galo chegou a um acerto por um valor próximo de US$ 2,5 milhões (R$ 13,36 milhões) — o montante exato é US$ 2,3 milhões.

O parcelamento do valor é devido à pandemia do novo coronavírus. Sem dinheiro em caixa, o Galo conta com a ajuda de parceiros e terá que realizar o depósito em prestações.

Keno chega à Cidade do Galo a pedido de Jorge Sampaoli. O técnico foi quem indicou o atacante ao diretor de futebol Alexandre Mattos, que usou o seu poder no mercado para acertar a contratação do ex-jogador do Palmeiras.

Atlético-MG