PUBLICIDADE
Topo

Ex-assessor de Luxemburgo critica Figo: 'Agiu como péssimo profissional'

Luis Figo dá entrevista durante o Laureus - Ian Gavan/Getty Images for Laureus
Luis Figo dá entrevista durante o Laureus Imagem: Ian Gavan/Getty Images for Laureus

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/05/2020 14h45

Antigo assessor de imprensa de Vanderlei Luxemburgo, Luiz Lombardi rebateu as declarações do ex-jogador Luís Figo sobre o atual técnico do Palmeiras. Presente no Fox Sports Rádio de hoje, Lombardi explicou que o português deixou o Real Madrid após cinco temporadas (2000 a 2005) por não aceitar a reserva.

Em entrevista, ontem, ao Expediente Futebol, o melhor jogador do mundo pela Fifa em 2001 afirmou que Luxa tem grande responsabilidade em sua saída do clube espanhol. Segundo Figo, o treinador o sacou do time por questões extracampo.

"O Luís Figo não vinha bem, estava segurando muito o jogo. O Luxemburgo percebeu isso e barrou ele da equipe por um ou dois jogos, só que a reação dele foi a pior possível. Ele não só começou a não ser mais o mesmo nos treinos, como deixou de cumprimentar toda a comissão técnica brasileira. Ele não falava com ninguém da comissão técnica brasileira. Ele agiu como péssimo profissional, e isso gerou um clima que levou o Real Madrid a colocá-lo à disposição para ir embora para a Inter de Milão. Ele não aceitou a reserva, tratou muito mal a comissão técnica... Dessa forma que ele acabou saindo do Real Madrid", explicou Luiz.

"O que ele disse ontem não é uma verdade. Ele não foi barrado porque o cara não gostava dele. Ele demonstrou que o Luxemburgo tinha problema pessoal com ele, e não é nada disso. Foi o contrário. Ele não aceitou a reserva. (...) Ele estava fora do time porque o time cresceu sem ele. Dez partidas vencendo sem ele. Ele não estava num momento legal", completou.

UOL Esporte vê TV