PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Blogueiros: Quem é o maior responsável pela eliminação do Corinthians?

Pedrinho acerta Ángel Benítez e deixa Corinthians com um a menos - NELSON ALMEIDA / AFP
Pedrinho acerta Ángel Benítez e deixa Corinthians com um a menos Imagem: NELSON ALMEIDA / AFP

Do UOL, em Santos (SP)

13/02/2020 11h51

Resumo da notícia

  • Quem é o maior culpado pela eliminação do Corinthians na Libertadores?
  • Juca Kfouri: "Evidentemente a imaturidade de Pedrinho foi decisiva"
  • André Rocha: "Diretoria, por aceitar que T. Nunes iniciasse trabalho em 2020"
  • Andrei Kampff: "Arbitragem. Com um a menos ficou ainda mais difícil"
Classificação e Jogos

Na noite de ontem (12), em Itaquera, o Corinthians foi eliminado da Copa Libertadores 2020 pelo Guaraní, ainda na fase preliminar do torneio. A queda veio após derrota por 1 a 0 no Paraguai e vitória por 2 a 1 na Arena Corinthians.

Após a partida, o técnico Tiago Nunes evitou culpar Pedrinho - expulso ainda no primeiro tempo - pela eliminação e apontou a arbitragem de Néstor Pitana como principal responsável.

"[Pedrinho] Não teve nada de vilão, é um jogador muito importante para a nossa equipe. A primeira falta foi um acidente, foi bem na minha frente. A segunda ele nem enxerga, está de costas tentando a bicicleta, mas o adversário antecipa", disse.

"Ao mesmo tempo, quero pedir desculpas a arbitragem brasileira pela crítica que fazemos, ainda mais enfrentando uma arbitragem terrível como a de hoje, do Néstor. Um cara experiente no futebol, sabe levar um jogo da maneira que deseja. Foi determinante", acrescentou.

E para você, quem foi o maior responsável pela queda do Corinthians na Libertadores? Fizemos essa pergunta aos blogueiros do UOL Esporte com as seguintes opções:

a) Pedrinho
b) Tiago Nunes
c) arbitragem
d) diretoria
e) nenhuma das anteriores

ANDRÉ ROCHA

Diretoria.

Por aceitar que Tiago Nunes iniciasse o trabalho só em 2020, perdendo um tempo que seria precioso. Justamente pela insanidade de disputar Flórida Cup em janeiro com Libertadores já em fevereiro.

Leia o blog do André Rocha.

ANDREI KAMPFF

Arbitragem.

A partida já era naturalmente complicada. Jogo decisivo, desvantagem e início de trabalho. Com um a menos em função de um critério maluco, ficou ainda mais difícil.

Leia o blog Lei em Campo.

BOLÍVIA

e) Sem novidade. O mesmo roteiro de sempre em Libertadores. 2012 foi ponto fora da curva.

Leia o blog do Bolívia.

JUCA KFOURI

Evidentemente a imaturidade de Pedrinho foi decisiva.

Leia o blog do Juca.

MARCEL RIZZO

F) Todas as anteriores, e mais algumas. Uma eliminação como essa é soma de fatores. A expulsão de Pedrinho prejudicou, Tiago Nunes não conseguiu impor o padrão nas duas partidas, a arbitragem errou, a diretoria deveria ter exigido que Nunes assumisse ainda em 2019 para antecipar o trabalho imaginando que teria decisão já em fevereiro. Ainda colocaria o Cássio nessa lista, acho que falhou...

Leia o blog do Marcel Rizzo.

MAURO CEZAR

Pedrinho, a expulsão comprometeu todo o jogo.

Leia o blog do Mauro Cezar.

PERRONE

Alternativa "e". Não vejo um culpado principal. Cada um dos citados tem sua parcela de responsabilidade. Mas vale lembrar que o time jogou bem na vitória por 2 a 1 e tem um bom trabalho sendo feito.

Leia o blog do Perrone.

RENATA MENDONÇA

É muito ruim caçar culpados após uma eliminação. Não acho que há "vilões" específicos na queda precoce do Corinthians na Libertadores, mas é possível analisar os fatores que levaram a isso. Um jogo eliminatório logo com menos de um mês de preparação do time é sempre muito ruim. Ainda mais para uma equipe que foi jogar Florida Cup e teve também menos tempo de treino por causa disso. Tiago Nunes tem um estilo bem diferente de jogo daquele que o Corinthians estava acostumado e isso não se implementa de um dia para o outro.

Curiosamente, o Corinthians fez ontem seu melhor jogo no ano, talvez, aquele em que mais pressionou, que mais criou, que mais produziu ofensivamente - mesmo com um a menos em boa parte do tempo. Mas acho que a pressão pelo resultado e o nervosismo do time influenciou, e o Corinthians não soube controlar o jogo quando estava com 2 a 0. Era a hora de acalmar o ritmo, tocar mais a bola, cadenciar a partida para cansar menos e e administrar o resultado ao longo do tempo. Mas o Corinthians voltou muito mal no segundo tempo e, depois que levou o gol, entra a pilha da pressão de mais uma eliminação em casa. O Guarani tem mérito, seu goleiro fechou o gol e dificultou demais. Acho que talvez o principal fator dessa eliminação tenha sido o jogo ruim que o Corinthians fez na ida. Se tivesse produzido um pouquinho mais lá, teria feito o gol e voltado pra casa com um resultado muito melhor.

Lógico que a expulsão não ajudou, mas houve imprudência de Pedrinho nos dois lances em que ele tomou o amarelo. Não vejo nem ele, nem o árbitro, nem Tiago Nunes como os "culpados" da eliminação. Foi um conjunto de circunstâncias. A principal delas sendo não ter sabido jogar na casa do adversário na primeira partida.

Leia o blog Dibradoras.

RENATO MAURÍCIO PRADO

O principal responsável pela eliminação, em minha opinião, é o Tiago Nunes. Não especificamente pelo jogo de ontem, mas pelo fato de ter se recusado a assumir o Corinthians no ano passado, tão logo foi demitido do Athletico. Se o tivesse feito, teria tido tempo para conhecer bem o elenco e para começar a implantar suas ideias, visando à atual temporada. Não o fez, teve que encarar a Libertadores com apenas um mês de trabalho, deu no que deu.

Leia o blog do Renato Maurício Prado.

Corinthians