PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Personalidade de Piton 'assusta' no Corinthians e pressiona Sidcley

Lucas Piton foi promovido pelo técnico Tiago Nunes e virou titular da lateral-esquerda do Corinthians - Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Lucas Piton foi promovido pelo técnico Tiago Nunes e virou titular da lateral-esquerda do Corinthians Imagem: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

29/01/2020 04h00

Classificação e Jogos

O lateral esquerdo Lucas Piton é considerado uma das gratas novidades no início de temporada no Corinthians. Segundo apurou o UOL Esporte com profissionais do futebol, o jogador recém-promovido do sub-20 demonstra a personalidade de um veterano, além de se destacar tecnicamente em treinos e jogos.

O comentário internamente sobre Piton é de que a personalidade do jovem de 19 anos 'assusta'. O lateral, revelado no futsal, não sentiu o 'peso da camisa' do Corinthians. Ele foi titular nos quatro jogos do time em 2020 — dois pela Flórida Cup e dois pelo Campeonato Paulista.

O desempenho de Piton pressiona Sidcley, lateral esquerdo que foi contratado por empréstimo do Dínamo de Kiev, da Ucrânia. No entanto, os profissionais do Corinthians acreditam que a 'briga' pela posição será acirrada.

Apesar de Piton se destacar, hoje ninguém internamente no clube 'crava' que Sidcley será reserva quando estiver à disposição do técnico Tiago Nunes. O experiente lateral chegou acima do peso e trabalha para buscar a melhor condição física.

Segundo estatísticas do Footstats, Piton é jogador que mais desarmou no Corinthians no Campeonato Paulista, com seis bolas roubadas. O lateral também é o jogador do time que mais dribla e mais faz cruzamentos do Alvinegro.

São 14 cruzamentos em dois jogos, média de sete cruzamentos por jogo. O índice de acerto é de 35,7% contra 15,4% do Fagner, por exemplo.

Cria do Futsal

Visto como uma das principais revelações do time na atualidade, Piton teve contrato renovado até setembro de 2021 e com multa de 35 milhões de euros (R$ 158 milhões) para o exterior, e R$ 35 milhões para o futebol brasileiro em seu novo contrato, como já revelou o UOL.

Antes de subir ao profissional, ele já era comparado com Guilherme Arana. Na base, alguns profissionais diziam que era um desperdício utilizá-lo na lateral por conta de sua habilidade com a bola nos pés. Na visão dos profissionais do clube, o atleta de 19 anos tem dribles curtos de futsal e o seu cruzamento na área é como um passe.

Piton chegou ao Corinthians em 2017 para reforçar o time de futsal e logo foi "promovido" para o campo. Mesmo atuando no sub-20, ele continuou sendo convocado para a seleção brasileira de futsal por cerca de um ano.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado, Lucas Piton tem 19 anos, não 18.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.

Futebol