Topo

Um turno após despedida de Rodrygo, Santos vê substituto em ascensão

Rodrygo, durante partida entre Santos e Internacional - Fernanda Luz/AGIF
Rodrygo, durante partida entre Santos e Internacional Imagem: Fernanda Luz/AGIF

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

12/10/2019 04h00

O Santos deve seguir com o garoto Tailson na equipe titular amanhã, quando enfrenta o Internacional, às 16h, no Beira-Rio, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após dois bons jogos, o Menino da Vila ganhou elogios de Jorge Sampaoli e começa a se firmar como opção um turno após a saída de Rodrygo para o Real Madrid (ESP).

O "raio" se despediu do Peixe, ainda que de forma involuntária, no 0 a 0 diante do time gaúcho na Vila Belmiro, quando sofreu um pênalti nos minutos finais que foi marcado em campo e, depois, anulado pelo VAR. Convocado para a seleção sub-23, o camisa 11 preferiu ficar no Santos, mas a CBF se recusou a desconvocá-lo e o atacante ficou impedido de jogar as últimas rodadas antes da parada para a Copa América.

Mais de quatro meses depois começa a surgir no Santos um substituto para a função que Rodrygo exercia no time. Os melhores momentos do Peixe na temporada foram com Soteldo pela esquerda e Rodrygo pela direita. Agora, Tailson é quem começa a brilhar na função, já tendo atuado pelos dois lados.

"Fez dois jogos à altura das partidas. Substituiu um dos jogadores mais determinantes, Soteldo (contra o Palmeiras), e fez muito bem. Necessita rodagem, não consegue manter o ritmo porque esteve muito tempo parado. Esperamos que ganhe confiança e nos dê alegria de um jogador que recordará do clube como Rodrygo. Tem esse tipo, um contra um, velocidade, gol. Que nos possa ajudar daqui para a frente", disse Sampaoli após a vitória no clássico.

O atual camisa 39 santista já era visto com bons olhos pelo treinador argentino, mas ficou muito tempo sem treinar diante da arrastada negociação pela renovação contratual. A novela, inclusive, quase acabou com final triste para o Santos, já que Tailson entrou na mira do Barcelona e chegou a treinar na Espanha.

Os dribles de Tailson contra o Palmeiras fizeram o Menino da Vila cair nas graças do torcedor santista e, claro, fizeram parte das provocações do já famoso "estagiário" nas redes do Peixe após a vitória.

No elenco em que apenas Soteldo é titular absoluto do setor, Tailson desponta entusiasmado para brigar pela outra "ponta" do campo com Marinho e Derlis González. Marinho, que vinha mal, marcou seu gol no clássico e teve boa atuação no geral. O paraguaio Derlis parece começar a ficar para trás. Como Sampaoli é adepto fervoroso do rodízio, os três devem ter suas oportunidades durante o restante da temporada.

Santos