Topo

Interino do Botafogo pôs cargo à disposição após declarações de Montenegro

Lazaroni teve uma reunião com os atletas para limpar a roupa suja após ser envolvido em polêmica - Vítor Silva/Botafogo
Lazaroni teve uma reunião com os atletas para limpar a roupa suja após ser envolvido em polêmica Imagem: Vítor Silva/Botafogo

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

11/10/2019 04h00

Bruno Lazaroni ficou em maus lençóis com as polêmicas declarações do ex-presidente Carlos Augusto Montenegro. No treino da última quinta-feira, o auxiliar técnico que está como interino do Botafogo chegou a dizer aos atletas que pediria demissão se eles não acreditassem em sua palavra. Ele negou que tenha usado os termos citados no áudio vazado, e o elenco mostrou cumplicidade e confiança no profissional. O grupo, evidentemente, não gostou das declarações do cardeal e ex-dirigente do Alvinegro, de quem manterá distância a partir de agora.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Botafogo