PUBLICIDADE
Topo

Repórter que brincou com Marinho elogia ponta e explica estilo descontraído

Repórter Gláucia Santiago em ação durante transmissão pelo Grupo Globo - Reprodução/Instagram
Repórter Gláucia Santiago em ação durante transmissão pelo Grupo Globo Imagem: Reprodução/Instagram

Beatriz Cesarini

Do UOL, em São Paulo

25/09/2019 04h00

A repórter Gláucia Santiago não esperava, mas o que foi somente uma brincadeira acabou tomando proporções enormes. Na derrota do Santos por 3 a 0 para o Grêmio, nesse sábado (21), os jogadores do Alvinegro ignoraram a jornalista da "TV Globo", que os esperava para a tradicional entrevista de saída de campo. Ela, então, fez piada com a situação e brincou com o atacante Marinho. Em conversa com o UOL Esporte, a profissional esclareceu que tudo não se passou de um momento de descontração.

"Na saída do gramado, nenhum jogador quis parar para entrevista. Até aí tudo bem, a gente sabe que faz parte do jogo, eles têm todo direito de falar ou não. Isso de forma alguma foi um problema. Só fiz a brincadeira para dizer de uma forma descontraída que ninguém quis falar. Em momento algum fui ou passou pela minha cabeça ser desrespeitosa, dar uma 'cutucada'. Nunca", explicou Gláucia.

Durante a transmissão da partida no Premiere FC, a jornalista contornou a situação como pôde. Após se justificar com o narrador Milton Leite e se desculpar com o torcedor por não conseguir a entrevista, ela brincou ao dizer que não levou um drible tão desconcertante quanto um chapéu que Alisson, do Grêmio, aplicou em Marinho durante o jogo.

"Eu sou uma pessoa descontraída, que normalmente brinca com as situações, e foi o que houve ali. Lembrei da situação do jogo e brinquei comigo mesma. Longe de mim querer ofender o Santos e o Marinho. Ele é um grande cara, no dia a dia sempre muito atencioso e respeitoso com a imprensa, e também muito brincalhão sempre. Nas entrevistas, nas coletivas, ele sempre brinca muito conosco e leva tudo de forma muito leve também", destacou a repórter.

Após o ocorrido, Marinho foi procurar Gláucia pessoalmente. Ele se desculpou e ainda relevou a brincadeira da repórter, dizendo que faz parte da "resenha".

"Aí conversei com ele, disse que tinha feito uma brincadeira, que muita gente já estava falando disso nas redes sociais, e fiz questão de deixar claro para ele que em momento algum faltei com o respeito. Ele disse que me respeita muito como profissional, que sabe que sempre tive respeito com ele e que estas coisas fazem parte da resenha! Sorriu e me disse 'tamo junto'", contou a repórter.

A jornalista do Grupo Globo não esperava que a brincadeira tomasse proporções tão grandes. Gláucia ainda contou que ficou aliviada ao ver que a maioria dos espectadores tinha entendido a situação realmente como um momento de informalidade, em tom de brincadeira.

"De verdade, me surpreendeu que as coisas tenham tomado essa proporção, por isso ali mesmo fiz questão de conversar com o Marinho. A meu ver, não falei nada demais, nem em tom ofensivo, nunca. Então quanto a isso estou tranquila. Mas fui pega de surpresa... Bom que a maioria das pessoas tenha entendido a forma como falei e que foi em tom descontraído, leve, sem ofender ninguém", afirmou.

UOL Esporte vê TV