Topo

Ataque funciona, e Flamengo fica perto de recorde próprio no século 21

Arrascaeta e Bruno Henrique comemoram gol do Flamengo; cena tem sido frequente em 2019 - Buda Mendes/Getty Images
Arrascaeta e Bruno Henrique comemoram gol do Flamengo; cena tem sido frequente em 2019 Imagem: Buda Mendes/Getty Images

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

06/09/2019 12h00

Impulsionado por jogadores com grande poder de fogo no meio de campo e no ataque, o Flamengo está perto de igualar a sua melhor média de gols no século 21. Com 91 marcados em 48 jogos oficiais, o Rubro-negro tem índice de 1,89 por jogo. A marca é a melhor desde 2008, quando o time sustentou 1,90 por partida.

Há 11 anos, a fila da artilharia foi puxada por Marcinho (17 gols), Ibson (15) e Obina (15). Já nesta temporada, os rubro-negros têm motivos para festejar com Gabigol (28), Bruno Henrique (18) e Arrascaeta (12), trio que vem se destacando.

Em 14 jogos no comando do time, o português Jorge Jesus acertou a fábrica de gols vermelha e preta, já que a equipe marcou 30 vezes sob às ordens do português, que tornou o Flamengo uma equipe menos previsível e de maior movimentação.

"É verdade que esses jogadores têm uma característica que tentamos libertar. Não é fácil segurar os nossos jogadores avançados. E cada vez mais vai ser mais difícil", afirmou o "Mister".

Gabigol é o artilheiro do Flamengo em 2019 - Buda Mendes/Getty Images
Gabigol é o artilheiro do Flamengo em 2019
Imagem: Buda Mendes/Getty Images

O luso terá o desafio de manter a produção ofensiva em alta diante do Avaí, amanhã (7), 17h, no Mané Garrincha, pelo Campeonato Brasileiro. Sem Bruno Henrique, Arrascaeta e Berrío, convocados respectivamente para as seleções de Brasil, Uruguai e Colômbia, ele ainda avalia as opções para compor o setor. Recuperado de cirurgia no joelho, Vitinho pode voltar a ter oportunidades.

Vitinho pode reaparecer na equipe diante do Avaí - Alexandre Vidal Fotógrafo
Vitinho pode reaparecer na equipe diante do Avaí
Imagem: Alexandre Vidal Fotógrafo

"Acredito que isso é a valorização da equipe. Tive a felicidade de encontrar um grupo muito profissional, que gosta muito de aprender e trabalhar, envolvido no espírito da amizade", elogiou Jesus.

Na ponta da tabela do Brasileirão, o Flamengo pega os catarinenses de olho na manutenção da primeira posição. O elenco faz hoje sua última atividade antes do embarque para a capital federal. No Ninho do Urubu, Jesus faz suas últimas observações para definir a equipe titular e manter a artilharia afiada.

Flamengo tem semana cheia para treinar após maratona

Band Sports