Danilo Lavieri

Danilo Lavieri

Siga nas redes
OpiniãoEsporte

Palmeirense merece saber futuro de Abel para pensar em possível despedida

O torcedor palmeirense merece ter a certeza se o jogo de amanhã (3) vai ser o último de Abel Ferreira no Allianz Parque. Como o UOL já mostrou, há um clima de incerteza no Palmeiras por causa do silêncio do português sobre o seu futuro após uma proposta incrível do futebol do Qatar. Ele jura que não vai decidir nada antes do fim da competição, mas já há no Oriente Médio quem tenha a certeza de sua chegada.

A questão é que o jogo contra o Fluminense que pode marcar o 12º título Brasileiro da história palmeirense também pode ser a última vez que o técnico se encontra com a sua torcida. Pior ainda: é capaz que na rodada final do Nacional o Mineirão esteja vazio por punição à torcida do Cruzeiro. Ou seja, pode ser a última vez que ele entra em um campo com público para uma partida oficial no Brasil.

Em pouco mais de três anos de clube, Abel conseguiu um status invejável: o maior técnico da centenária história palmeirense e merece uma despedida de gala caso tenha mesmo resolvido deixar o Brasil. Não adianta ter um evento de festa no Allianz sem o mesmo clima de jogo oficial.

É compreensível que ele tente manter o foco do time apenas na conquista do Brasileirão. Mas, neste momento, é praticamente impossível pensar que o Verdão perderia as duas partidas que restam para não ser o campeão.

Além disso, Abel já extrapolou há muito tempo o cargo de pensar apenas em quem serão os titulares e como eles jogarão. Os títulos são decisivos na construção dessa imagem, mas o que mais reforça seu posto de ídolo eterno é a conexão quase que instantânea que teve com a torcida e com o espírito palmeirense.

Como se já não bastasse romper o vínculo que vai até 2024, coisa que prometeu várias vezes que não faria, Abel não poderia deixar o Palmeiras sem um adeus à altura do que alcançou no Palestra Itália. Ele merece uma festa histórica.

Enquanto isso, claro, o palmeirense torce para que todo esse texto possa ser completamente esquecido. O que o torcedor quer de verdade é que Abel fique por muito mais tempo, de preferência renovando o seu acordo pelo menos até 2027 como também deseja a diretoria.

Siga também as opiniões de Danilo Lavieri no Twitter, no Instagram e no TikTok

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes