PUBLICIDADE
Topo

Danilo Lavieri

Jovem do São Paulo bate recorde de Rodrygo e Neymar ao assinar com a Nike

Enzo Peterson, jogador do sub-10 do São Paulo - Divulgação
Enzo Peterson, jogador do sub-10 do São Paulo Imagem: Divulgação
Danilo Lavieri

Danilo Lavieri começou a carreira em 2008 e trabalha com futebol desde 2010. Já cobriu Copa, Olimpíada, escreveu a biografia do goleiro Marcos (Nunca Fui Santo) e ganhou prêmio de furo do ano da Aceesp em 2019.

Colunista do UOL

26/08/2020 16h31

O jovem Enzo Peterson, aposta da equipe sub-10 do São Paulo, bateu recordes de famosos como Neymar e Rodrygo ao firmar parceria com a Nike. Patrocinado aos 10 anos, ele superou as marcas alcançadas pelas estrelas do PSG e do Real Madrid, que tinham 13 e 11 anos, respectivamente, quando fecharam seus patrocínios.

Enzo nasceu em março de 2010 e só não é o recordista mundial porque o jovem Willian Nascimento, do Flamengo, assinou com a Nike este mês e nasceu em abril.

Outro exemplo, mas entre as mulheres, é o caso de Júlia Rosado, conhecida como Jujugol. Recentemente ela recebeu até uma carta de Cristiano Ronaldo para incentivar seu sonho e também já tinha contrato com a Nike aos 10 anos de idade.

Os três jovens já patrocinados com 10 anos pela empresa dos Estados Unidos são exemplos de uma tendência mundial, como explica Pedro Gutierrez, proprietário da Guti Football e empresário de Enzo.

"É uma tendência no futebol atual. Claro que a marca busca o sucesso esportivo, mas também olha para o futuro buscando no atleta uma contribuição social e comunicação sustentável. Para nós, é motivo de muito orgulho fazer a gestão de carreira com uma marca tão grande. É um bom sinal e uma realização", explicou o agente.

Enzo está na equipe sub-10 do futsal do São Paulo e já tem uma estante cheia de troféus individuais, como três vezes o melhor jogador da IberCup, um dos maiores torneios juvenis do mundo.

Normalmente, os clubes começam a colocar os garotos em campo aos 13 anos. Até lá, Enzo será monitorado de perto pelo seu pai, Ronny Peterson.

"Fico muito feliz com a conquista do filho. Agradecemos ao São Paulo por toda confiança, esperamos que ele tenha sempre os pés no chão, entendendo que as conquistas virão sempre após muita dedicação e renúncia a coisas da vida de jovem. Mesmo se não acontecer mais nada, já valeu a pena", afirmou Ronny.