PUBLICIDADE
Topo

Luciano Bivar vai lançar candidatura à Presidência no dia 31 de maio

O União Brasil era um dos partidos que poderiam compor uma candidatura única da chamada 3ª via, mas no início de maio o partido desembarcou das negociações - Pedro Ladeira/Folhapress
O União Brasil era um dos partidos que poderiam compor uma candidatura única da chamada 3ª via, mas no início de maio o partido desembarcou das negociações Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress

Sara Baptista

Do UOL, em São Paulo

19/05/2022 17h05

O presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, vai lançar oficialmente sua candidatura à Presidência da República no dia 31 de maio. A oficialização acontecerá em um evento aberto no Centro de Convenções de Brasília, às 17h.

O União Brasil era um dos partidos que poderiam compor uma candidatura única da chamada 3ª via, mas no início de maio o partido desembarcou das negociações e lançou a pré-candidatura de Bivar.

"Esperamos até o último momento para ver se fazíamos uma coligação com outros partidos. No entanto, outros partidos não tiveram a mesma unidade que tem o União Brasil. Em função disso, não restou outra alternativa a não ser sair com uma chapa pura", disse Bivar na ocasião.

A candidatura do presidente do partido também acabou com os planos de Sergio Moro de se lançar à Presidência. O ex-juiz era pré-candidato pelo Podemos, mas trocou de partido e foi para o União Brasil no último dia do prazo de filiação.

Na nova legenda, Moro é cotado para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados, apesar de ele ter dito diversas vezes que não quer concorrer a deputado. Se o União Brasil for mesmo adiante com uma chapa pura, Moro pode ser o vice de Bivar.