PUBLICIDADE
Topo

Fiat Pulse é lançado; veja versões, preços e impressões do novo SUV

José Antonio Leme

do UOL, em São Paulo (SP)

19/10/2021 19h10

Depois de meses de espera a Fiat finalmente apresentou por completo o seu inédito SUV compacto, o Pulse. O modelo que será produzido em Betim (MG) chega às lojas a partir de amanhã, 20.

Com preços que partem de R$ 79.990 e vão até R$ 115.990, o Fiat Pulse será oferecido em cinco versões, Drive MT, Drive AT, Drive Turbo 200 AT, Audace Turbo 200 AT e Impetus Turbo 200 AT.

Serão três delas com o inédito motor 1.0 turboflex e outras duas com o já conhecido motor 1.3 aspirado, sendo apenas a de entrada com câmbio manual e as demais equipadas com também inédito câmbio automático CVT, que faz sua estreia na Fiat.

De acordo com a Fiat, o Pulse foi produzido sobre uma nova plataforma modular, a MLA. Ele tem toda a área de suspensões, balanço e entre-eixos novos.

Em termos de visual, o carro aposta na estamparia emprestada do irmão Argo, ao menos para as peças laterais, como as portas e a curvatura da carroceria.

Versões e preços

  • Pulse Drive 1.3 MT: R$ 79.990
  • Pulse Drive 1.3 AT: R$ 89.990
  • Pulse Drive Turbo 200 AT: R$ 98.990
  • Pulse Audace Turbo 200 AT: R$ 107.990
  • Pulse Impetus Turbo 200 AT: R$ 115.990

Desde a versão de entrada, o Fiat Pulse vai oferecer quatro airbags, sendo que os laterais, para motorista e passageiro dianteiro, agora cobrem cabeça e tórax. O airbag lateral padrão protege apenas a área do tórax.

Outros itens que estarão disponíveis em todas as versões são controles de tração e estabilidade com ajuste para uso na terra, o TC+ que está presente também nas picapes Fiat Strada e Fiat Toro, faróis e lanternas de LEDs e barras longitudinais no teto.

Há ainda controle de velocidade (piloto automático) e limitador de velocidade, sensores de estacionamento traseiro e de pressão nos pneus, alerta de uso no cinto de segurança e ar-condicionado automático e digital.

Central multimídia estará disponível em todas as versões (8,4" nas versões de entrada e 10" na de topo) com integração sem fio a Android Auto e Apple CarPlay nas duas e trio elétrico em todas as variantes.

Fiat Pulse 200 Impetus - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Motores e câmbios

O Fiat Pulse marca a estreia do motor 1.0 turboflex e do câmbio automático CVT dentro da Stellantis. O propulsor é a versão sobrealimentada do já conhecido 1.0 de três cilindros que é utilizado nos modelos de entrada.

Com a adição de turbo, duplo comando de válvulas e o sistema Multiair III, que controla a abertura e fechamento das válvulas individualmente, o novo propulsor entrega até 130 cv e 20,4 mkgf quando alimentando com etanol, com gasolina a potência muda para 125 cv. Assim, esse motor se torna o mais potente 1.0 turboflex do País.

Ele virá sempre associado ao câmbio automático CVT, que simula sete velocidades. Além disso, é possível fazer as trocas no modo manual pelas aletas atrás do volante ou por meio da alavanca de câmbio.

Há também a função Sport, ativada por um botão vermelho no volante multifuncional, que estica a rotação do motor e atrasa a troca de marchas para dar um caráter mais esportivo ao SUV, além de endurecer a direção.

O motor 1.3 quatro cilindros, naturalmente aspirado, rende 107 cv e 13,7 mkgf. É uma perda de 2 cv e cerca de 0,5 mkgf que ele rende quando aplicado em outros carros, como a Strada e o Argo, e vem também com o mesmo câmbio manual de cinco marchas.

Fiat Pulse Drive 1.3 MT - Divulgação - Divulgação
Fiat Pulse Drive 1.3 MT
Imagem: Divulgação

Pulse Drive 1.3 MT

São quatro airbags, alarme, vidros e travas elétricas, alerta de uso de cinto de segurança para todos os ocupantes, sendo que todos tem encosto de cabeça e tem cinto de três pontas.

Ele traz também ar-condicionado digital e automático, sistema de som, três entradas USB (duas tipo A e uma tipo C), central multimídia de 8,4 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay, chave canivete e computador de bordo.

Há desembaçador do vidro traseiro, assistente de partida em rampa (Hill Holder), fixação de cadeirinhas com Isofix, retrovisores externos com a função tilt down, que rebaixa o espelho quando a ré é engatada e rodas de liga leve de 16 polegadas.

Fiat Pulse Drive 1.3 CVT - Divulgação - Divulgação
Fiat Pulse Drive 1.3 CVT
Imagem: Divulgação

Pulse Drive 1.3 CVT

Ao pacote da Drive 1.3 MT a Drive 1.3 CVT adiciona maçanetas e espelhos na cor da carroceria, console central com apoio de braço, porta-copos, porta-celular e porta-objetos, além é claro do câmbio automático CVT e o botão do modo Sport no volante.

Há dois pacotes de opcionais: Plus (R$ 4.300) e Connect Me (R$ 3.150). O primeiro adiciona câmera de ré com linhas adaptativas, carregador wireless, chave presencial com partida retoma via chave e pintura bicolor. No pacote Connect Me traz navegação embarcada com GPS integrado e espelho retrovisor interno eletrocrômico.

Fiat Pulse Drive T200 - Divulgação - Divulgação
Fiat Pulse Drive T200
Imagem: Divulgação

Pulse Drive Turbo 200 AT

Além de todos os itens da versões acima, a Drive Turbo 200 AT ganha o motor 1.0 turboflex com câmbio automático CVT e traz outros pacotes de opcionais: Plus II (R$ 6.740) e o Connect Me (R$ 3.150).

O Plus II inclui roda de liga leve de 17" escurecida, bancos revestidos de couro, banco traseiro rebatível e bipartido (60/40), volante revestido de couro, paddle shifters, chave presencial e pintura bicolor. O Connect Me traz navegação embarcada com GPS integrado e espelho retrovisor interno eletrocrômico.

Fiat Pulse Audace T200 - Divulgação - Divulgação
Fiat Pulse Audace T200
Imagem: Divulgação

Pulse Audace Turbo 200 AT

A Audace inclui câmera traseira de alta definição com linhas adaptativas, carregador de celular por indução, chave presencial com partida por botão, aletas para troca de marcha no volante (paddle shifters), volante de couro e banco traseira rebatível e bipartido.

Tem ainda o pacote ADAS com frenagem autônoma de emergência com alerta de colisão frontal, leitor de faixa com correção no volante, farol alto automático, retrovisor eletrocrômico, sensores de chuva e luminosidade e rodas de 16" com acabamento diamantado.

Como opcionais há os pacotes Design (R$ 5.200) e Connect Me (R$ 3.650). O primeiro traz roda de liga leve de 17" escurecida, bancos revestidos de couro e pintura bicolor. O Connect Me aqui traz navegação embarcada e central multimídia com tela de 10,1".

Fiat Pulse 200 Impetus - Divulgação - Divulgação
Fiat Pulse 200 Impetus
Imagem: Divulgação

Pulse Impetus Turbo 200 AT

A versão mais completa da gama adiciona luzes de neblina de LEDs com funcão cornering, que acompanha o movimento do volante iluminando as curvas, painel de instrumentos virtual de 7" e configurável, bancos de couro, navegador GPS integrado, retrovisores com rebatimento elétrico e luz de cortesia quando as portas se abrem.

As rodas de 17 polegadas têm acabamento diamantado, sensor de estacionamento dianteiro, tapetes de carpete, teto bicolor, volante com regulagem de altura e profundidade e a central multimídia de 10".

O único opcional por R$ 2.650 é o pacote Connect Me, que permite controlar diversas funções do carro por meio de um aplicativo de celular, como ar-condicionado, abertura e fechamento das portas e vidros, disparar o alarme, além de garantir bloqueio, rastreio e criar limitações para o uso do modelo.

O Connect Me permite ainda que você integre o carro a uma assistente pessoal, como o Google Assistant ou a Alexa, da Amazon, permitindo conferir, por exemplo, o nível de combustível por um comando de voz ou por meio do seu smartwatch também.

O pacote do Connect Me fica completo com a possibilidade de oferecer Wi-Fi integrado dentro do carro para até oito dispositivos ao mesmo tempo, podendo contratar da operadora parceira, a Tim, diversos pacotes de internet.

Fiat Pulse 200 Impetus - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Primeiras impressões

Na versão de topo Impetus, o Fiat Pulse surpreende pelo bom desempenho. O contato inicial em uma pista de testes com asfalto perfeito permitiu ver a nova suspensão em funcionamento e também o motor e o câmbio.

A boa surpresa está na resposta do conjunto mecânico. O Pulse acelera bem com o novo motor, apesar do câmbio CVT, que geralmente é mais prestativo para economia, mas não tanto em desempenho.

O ruído rouco característico do motor três cilindros continua ali, mas a Fiat conseguiu mitigar a vibração, que também é "de série" nesse tipo de motor, graças ao uso de coxins na fixação do motor.

O câmbio ficou bem calibrado para trabalhar com o motor, em altas e baixas rotações. Rodando na pista e também fora dela, em baixa velocidade, como se fosse trânsito, foi bom ver a entrega de torque sempre presente.

A nova suspensão do Pulse entrega uma nova versão do que vimos em carros mais recentes da marca, como o Argo e o Cronos. Isso significa que o carro foi ajustado para ficar mais estável nas curvas, onde a carroceria pouco mexe, apesar do vão livre elevado em relação ao solo.

Em uma pista de terra, deu para sentir que o conforto ainda é uma qualidade no Pulse, que manteve o DNA da Fiat neste aspecto. A carroceria balança pouco e a suspensão fica com responsável por filtrar os impactos.

O espaço interno não é tão bom quanto o esperado, mas atende bem a quatro adultos, com cinco ocupantes o espaço, especialmente na distância entre os ombros dos ocupantes é diminuto.

Na versão de topo, a posição de guiar é muito boa, graças à amplitude de ajuste de altura do banco do motorista e de altura e distância na coluna de direção.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.