Topo

Testes e lançamentos


Novo Hyundai HB20 aposta em motor turbo, que pode até "matar" 1.6 no futuro

Do UOL, em São Paulo (SP)

21/09/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Executivo diz que marca pode mudar foco para 1.0 turbo se houver demanda
  • Motorização 1.6 16V ganhou 2 cv a mais, e agora tem 130 cv
  • HB20 já tinha motor 1.0 turbo na geração anterior, mas vendas foram baixas

A motorização 1.0 turbo GDI é uma das grandes novidades do novo Hyundai HB20. Baseado no 1.0 aspirado de três cilindros que equipa as versões mais baratas, ele rende até 120 cv quando abastecido com etanol.

Durante o breve test-drive realizado por UOL Carros de Una até Canavieiras, o conjunto se destacou pela agilidade, oferecendo boas retomadas e segurança nas ultrapassagens. Embora a Hyundai prefira não fazer prognósticos, são grandes as chances de o motor turbo puxar as vendas a partir das versões intermediárias do HB20. E parece que a própria fabricante concorda.

Rodolfo Stopa, gerente geral de produto da Hyundai, afirmou que a montadora "não vê problema algum" em abandonar o motor 1.6 16V (que tem 130 cv, 2 cv a mais do que o antecessor) caso haja maior demanda pelo motor turbo.

Sendo assim, por que a empresa manteve a motorização antiga em linha? "Alguns clientes ainda preferem o motor 1.6 ao 1.0 turbo, e mudar esse conceito demanda certo tempo", declarou Stopa.

E o antigo turbo?

Nem todo mundo lembra, mas o HB20 já tinha motorização 1.0 turbo desde 2016. O novo motor, inclusive, é uma evolução do antigo da linha Kappa, só que com melhorias como a injeção direta de combustível. Para Stopa, as vendas do antigo HB20 Turbo não decolaram porque o mercado vivia outra fase. O executivo, inclusive, surpreendeu ao elogiar a concorrência.

"Acredito que o mercado ainda não estava pronto para um hatch com motor 1.0 turbo, algo que só aconteceu a partir da chegada do Up TSI. A Volkswagen fez um bom trabalho nesse sentido", afirmou.

Testes e lançamentos