Topo

Mão na roda


Mão na roda

Tem carro blindado? Veja cinco dicas para rodar sem maiores preocupações

São Paulo é a maior cidade do Brasil com carros blindados: 70% dos veículos "protegidos" no Brasil rodam por aqui - Marcelo Gonçalves Sigmapress/Estadão Conteúdo
São Paulo é a maior cidade do Brasil com carros blindados: 70% dos veículos "protegidos" no Brasil rodam por aqui
Imagem: Marcelo Gonçalves Sigmapress/Estadão Conteúdo

André Deliberato

Do UOL, em São Paulo (SP)

24/12/2018 07h00

Nesta última semana a Audi do Brasil apresentou a jornalistas seu primeiro carro blindado de fábrica, o Q5 Security, que custa R$ 370.990 e pesa 430 kg a mais que a versão convencional Ambiente, de R$ 279.990.

Na oportunidade, tivemos a chance de trocar uma ideia com Roberto Costa, especialista e consultor em segurança da The First​​​​. Ele deu cinco dicas para quem vai comprar um Q5 ou mesmo para quem já tem um carro blindado e quer saber como rodar com tranquilidade. Confira.

Cinco atitudes para quem usa carro blindado

  • Murilo Góes/UOL

    Portas trancadas

    A primeira regra básica é andar sempre com as portas trancadas e/ou verificar o trancamento assim que os passageiros entrarem no carro. No caso do Q5 e de carros novos, portas se trancam automaticamente quando o veículo se movimenta, mas é sempre bom ficar atento.

  • Murilo Góes/UOL

    Vidros sempre fechados

    É absolutamente normal querer abrir os vidros, mas o movimento dos vidros maiores, mais pesados e espessos, é mais lento. Por isso, segundo Roberto Costa, prefira sempre rodar com os vidros fechados e com o ar-condicionado ligado no interior do veículo.

  • Murilo Góes/UOL

    Cuidado no embarque e desembarque

    De acordo com o especialista Roberto Costa, a maioria das ações dos bandidos são oportunistas e acontecem em momentos como o embarque e desembarque do automóvel. Portanto, fique atento e redobre sua atenção antes de entrar ou sair do carro, estando sozinho ou em família. Olhe bem os arredores e certifique-se de que tudo seja feito rapidamente, sem "dar bandeira".

  • Murilo Góes/UOL

    Mantenha distância do carro à frente

    Sempre tente parar (no farol ou em qualquer eventual parada do veículo) a uma distância segura do carro à frente. Isso permite uma escapada mais fácil, caso seja necessário. "Sempre tente parar onde ainda se possa ver os pneus traseiros do carro à frente. Se for preciso escapar para um dos lados, será muito mais fácil com esse espaço", aponta Roberto Costa.

  • MAHMUD HAMS/AFP

    Evite zonas consideradas "de risco"

    Evite passar por zonas consideradas "de risco". Prefira sempre rodar por avenidas expressas, que não tenham faróis e onde os retornos sejam por pontes ou passagens subterrâneas. Evite, ainda, entrar com o carro em locais que você não conhece.

Fonte: UOL Carros

Mais Mão na roda