PUBLICIDADE
Topo

Blocos de rua

SP: Carnaval na 23 de Maio estreia com atraso, axé e "oásis" para o sol

Sara Puerta

Do UOL, em São Paulo

11/02/2018 15h12

Termômetros batendo 35º C, sol forte... Um clássico do Carnaval. Mas, como sombra nesses casos é como um oásis, isso não faltou na avenida 23 de Maio nesse domingo (11), graças às árvores e túneis de uma das principais avenidas da capital paulista. Apesar de um atraso na saída, devido a problemas com ambulantes no caminho, o bloco Domingo Ela Não Vai agitou o público de São Paulo com clássicos do axé, incluindo Timbalada e Daniela Mercury, por Márcio Oliveira, que se assume um roqueiro, mas não perde um Carnaval. 

"O lance são as festas, as fantasias e tomar uma. Quem consegue ficar em casa com uma festa dessa acontecendo?", brincou ele. Também não faltaram as coreografias de É o Tchan e Terra Samba.

O desfile começou com quase uma hora de atraso, devido a concentração e a liberação da via pelos ambulantes, para, enfim, o trio andar. Porém nenhum estresse, apenas com avisos ao público pelo microfone.

Com área de alimentação, sombras, fácil acesso e espaços livres, a avenida 23 de Maio se mostrou um bom espaço para o desfile dos blocos.

"Só tinha visto essa via fechada para o lazer quando cheguei em São Paulo, no aniversário da cidade de 450 anos. Eu adorei, muito espaço livre é ótimo para trazer crianças. Pensei que nunca mais a veria assim", disse Rosana Leão, que trouxe a filha Julia, de 6 anos, fantasiada de Moana.

O bloco encerrou seu cortejo próximo das 15h, e o som do axé para o funk, mantendo o público de pé.