PUBLICIDADE
Topo

Homenageado da Vai-Vai, Gilberto Gil faz show com ritmistas da escola em SP

Janaína Nunes

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/01/2018 16h48

Com a velha e típica tranqüilidade baiana, Gilberto Gil chegou ao Bar Brahma nesta quinta (25) para homenagear a cidade de São Paulo ao lado dos ritmistas da escola de samba Vai-Vai.

Sem se abalar com a presença de fãs e da imprensa, o cantor disse estar feliz. "Vim por convite da Vai-Vai e do bar que fica num local icônico tão bem representado pela música do Caetano. É sempre um prazer", contou antes de se apresentar no local.

No próximo dia 10 de fevereiro, ele voltará à cidade para participar do desfile da agremiação de samba do Bixiga por qual será homenageado com o samba-enredo "Sambar com Fé Eu Vou". "Essa reconhecimento me toca porque é  uma escola muito importante para São Paulo e que há 88 anos luta para manter uma tradição. São Paulo é uma cidade que naturalmente tem de fazer um esforço muito grande para estabelecer a força do Carnaval porque está muito ligada ao trabalho. Então, acho excepcional participar de tudo isso".

O cantor, que também será  homenageado pelo bloco Baixo Augusta, está contente com o crescimento da folia na cidade. "Os blocos vem aumentando a cada ano graças os investimentos das secretarias. Precisa de mais espaços abertos para isso. São Paulo é uma cidade cosmopolita como Nova York, Roma e tantas outras.  Agrega e agregou  muita gente. Tem muita influência dos nordestinos e também está sendo influenciado pelo movimento dos blocos do Rio.  Nada mais justo ter um grande Carnaval".

Anitta versão de Celi Campelo e Rita Lee

Assim como Gil, Anitta foi escalada para fazer show no aniversário de São Paulo. Gil gostou da escolha da cantora. "Já declarei isso: Acredito que Anitta representa toda uma geração de jovem não só musical como esteticamente. Ela é o que Cely Campello foi para os jovens na década de 50, e mais tarde o que Rita Lee representou aos jovens".