PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Paratleta será primeira mulher biamputada a desfilar no Carnaval de SP

Adriele Silva será primeira mulher biamputada a desfilar no Carnaval de SP - Divulgação/Vai-Vai
Adriele Silva será primeira mulher biamputada a desfilar no Carnaval de SP Imagem: Divulgação/Vai-Vai

Do UOL, em São Paulo

02/01/2018 23h17

A Vai-Vai anunciou a participação da paratleta Adriele Silva no desfile da escola de samba, em fevereiro. Segundo a agremiação, a jovem será a primeira mulher biamputada a desfilar no Carnaval paulistano.

Adriele sofreu uma septicemia em outubro de 2012, foi parar no hospital com cólica no rim, mas lá foi constatado que um cálculo renal estava entupindo o canal entre o rim e a bexiga,

Em seguida, ela teve outras complicações, como insuficiência hepática, renal, respiratória e algumas sequelas. "Umas delas se deu pela falta de oxigenação no corpo e fez com que minhas extremidades ficassem sem circulação de sangue, o que levou a necrose dos meus pés e vieram as amputações", relatou Adriele, em depoimento ao site da Vai-Vai.

Depois do ocorrido, Adriele se tornou praticante do triathlon, esporte que une três modalidades: natação, ciclismo e corrida.

Agora, a jovem comemora a sua participação no Carnaval paulistano, e um fato inédito. "Serei a primeira mulher biamputada a desfilar em uma escola de samba em São Paulo e entrarei para a história da Vai Vai e do Carnaval com muito orgulho em representá-la, porque 'Sambar com fé eu vou!'", disse ela, citando o enredo da escola.

Em 2018, os 55 anos de carreira de Gilberto Gil vão embalar o desfile da Vai-Vai, maior campeã do Carnaval paulistano, no enredo "Sambar com fé eu vou!". Um dos destaques promete ser a estreia de Grazzi Brasil, ex-"The Voice", única mulher entre os intérpretes oficiais das escolas de São Paulo. O desfile irá ocorrer no sábado (10).