Topo

CarnaUOL


Bismarchi se converte e vende fantasias antigas: "Não piso mais na Avenida"

 Angela Bismarchi em três momentos: No desfile da Nenê da Vila Matilde (2010), na Pérola Negra (2009) e novamente na Nenê da Vila Matilde (2011) - Glaucielene Felix/Folhapress, Zainane Fraissat/Folha Imagem e Orlando Oliveira/Ag.News
Angela Bismarchi em três momentos: No desfile da Nenê da Vila Matilde (2010), na Pérola Negra (2009) e novamente na Nenê da Vila Matilde (2011)
Imagem: Glaucielene Felix/Folhapress, Zainane Fraissat/Folha Imagem e Orlando Oliveira/Ag.News

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

17/02/2017 19h22

Com 17 carnavais desfilando em escolas do Rio e São Paulo, Angela Bismarchi não quer mais saber de folia. A loira decidiu vender todas as fantasias e diz que pretende doar o valor arrecadado.

"Estou vendendo tudo. Não quero mais, minha cabeça é outra. Não pretendo mais desfilar e nem pisar na avenida", disse ela, que se converteu recentemente.

"Estou seguindo os caminhos de Jesus, não me prendo a religião, estou voltando a estudar a palavra. Tudo isso mudou a minha maneira de pensar. Graças a Deus eu alcancei o Evangelho e comecei a ver as coisas de outra maneira".

Além das fantasias de desfiles realizados em escolas famosas, como X9,  Nenê da Vila Matilde, Tom Maior, Império Serrano, Mocidade e Porto da Pedra, Bismarchi está desapegando de figurinos de ensaios técnicos e usados para visitar as quadras das escolas.
 
"Tem fantasias com penas de faisão que são carésimas. Já vendi algumas entre R$ 5 e R$ 10 mil. Esse Carnaval vou para os Estados Unidos com meu marido. Nos próximos anos nem quero ir na Avenida nem para assistir, vou ficar bem longe".