PUBLICIDADE

Topo

VivaBem

BH libera mais público em eventos e amplia o funcionamento de bares até 23h

Bares e restaurantes da capital ganham uma hora a mais de funcionamento, podendo fechar às 23h - Getty Images
Bares e restaurantes da capital ganham uma hora a mais de funcionamento, podendo fechar às 23h Imagem: Getty Images

Colaboração para o UOL

27/07/2021 17h06

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou novas flexibilizações para a capital. A partir da próxima quinta-feira (29), quando o decreto será publicado no DOM (Diário Oficial do Município), os eventos poderão receber mais pessoas.

Nos shows que não tenham comercialização de comida e bebida, a capacidade passa de 600 para 800 pessoas sentadas. Em eventos corporativos também. Quando houver alimentos servidos durante a apresentação, a ocupação passa de 400 para 600.

Para a todos os casos, a realização só é permitida a partir de um pedido de licenciamento na prefeitura. Para a participação em todos eles é exigida a apresentação de exame negativo de covid-19. O uso de máscaras e o distanciamento entre o público também é regra.

Já os bares e restaurantes terão o funcionamento ampliado. Atualmente com horário de fechamento às 22h, eles poderão funcionar até as 23h. Além disso, lojas de conveniência que estavam fechadas aos domingos, poderão voltar a abrir. Elas podem funcionar de domingo a sábado, até as 22h.

A mudança, conforme o secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado, foi possível devido à melhora de todos os indicadores da covid-19 na capital. De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, o número de transmissão por infectado está em 0,91. A taxa de ocupação de leitos de UTI está em 57,9% e de enfermaria em 46,5%.

"Nós temos hoje indicadores que permitem todos esses eventos que estão liberados. Então, seguindo a nossa coerência de sempre, vamos manter a abertura, e se for constatada uma disseminação incontrolável de cepa delta, que venha a impactar nos indicadores, podemos fechar tudo de novo", disse, em coletiva na tarde de hoje.

O secretário também fez um apelo para que a população procure os postos de imunização para tomar a segunda dose da vacina.

VivaBem