PUBLICIDADE

Topo

10 dicas para cuidar de si mesmo e aliviar o estresse: meditação e mais

Técnicas alternativas, como meditação, ajudam a tranquilizar o coração e manter o foco em você mesmo - KoolShooters/ Pexels
Técnicas alternativas, como meditação, ajudam a tranquilizar o coração e manter o foco em você mesmo Imagem: KoolShooters/ Pexels

Claudia Dias

Colaboração para Universa

18/09/2021 04h00

Difícil quem não tenha enfrentado pelo menos alguns momentos de ansiedade durante a pandemia. Afinal, são tantas desilusões e expectativas frustradas, que virou praticamente regra todo mundo vivenciar essa experiência ruim. A sorte é que existem diferentes métodos e artifícios que ajudam a minimizar essa condição.

Antes disso, porém, é necessário frisar que há casos que vão muito além de meras sensações e reações indesejadas. Transtornos de ansiedade, por exemplo, podem significar doenças, que precisam ser tratadas com ajuda de psicólogos ou psiquiatras.

Agora, se o quadro é de ansiedade por situações pontuais, é possível recorrer a técnicas alternativas que amenizam o quadro. É o que mostra, a seguir, a terapeuta integrativa Silvana Fortaleza, do Espaço Shantihi, especialista em orientação parapsicológica social e institucional e terapeuta integrativa. Ela aponta dez recursos que podem ser bem eficazes.

O que fazer por você para se acalmar

1. Atividade física

Exercitar-se regularmente contribui para a produção de hormônios importantes, caso da endorfina, responsável pelo alívio das dores e redução da ansiedade, uma vez que promove o aumento da disposição física e mental. E não precisa nem ser um superatleta: basta manter uma frequência e optar pela prática preferida - desde caminhadas até natação e yoga - para alcançar bons resultados.

2. Meditação

A prática meditativa é indispensável para quem busca o autoconhecimento, a redução do estresse, a melhora do sono e, é claro, o controle da ansiedade. A meditação acalma a mente e atende a diferentes estilos de vida e anseios.

3. Respiração consciente

Outra técnica que promove redução do estresse e alívio dos sintomas da ansiedade (pois melhora a oxigenação do cérebro e promove um relaxamento da mente e do corpo) é a inspiração e expiração de forma profunda e controlada. A prática pode ser feita a qualquer hora do dia, mas preferencialmente pela manhã, ao acordar. Basta respira 10 vezes, mantendo controle sobre o corpo e o "entra e sai" do ar. Ao longo do dia, pode-se repetir o exercício quantas vezes quiser, mas reduzindo o ritmo para 3 a 5 respirações profundas.

4. Cristais

As pedras água marinha e quartzos azul e verde contribuem para acalmar a mente, gerando a sensação de paz interior. Para tirar melhor proveito dos cristais, eles podem ser deixados no quarto, próximos à cama, onde vão agir durante o sono.

5. Óleos essenciais

Cheiros também são potentes contra a ansiedade, sobretudo os aromas lavanda e bergamota. Uma boa alternativa é adotar tais óleos essenciais em difusores elétricos, estimulando calma, tranquilidade e paz no ambiente. Basta pingar 10 gotinhas da essência escolhida com um pouco de água e deixar o aparelho ligado por, aproximadamente, 1 hora, todos os dias. Outra opção é adotar colares com pingentes difusores. Neste caso, o óleo essencial é usado puro e 2 gotinhas são mais que suficientes para surtir o efeito desejado.

6. Água solarizada azul

Tal recurso tranquiliza o corpo e a mente e consiste em expor água filtrada ao sol por 2 horas, dentro de uma garrafa de vidro azul com tampa. A tonalidade é capaz de modificar a frequência do líquido, fazendo com que a água adquira as propriedades vibracionais da cor. No inverno, o melhor horário para preparar é das 8 às 10 horas. No verão, após as 15 horas. Já em dias chuvosos, a garrafa com água deve ficar exposta, ao ar livre, por aproximadamente 4 horas.

Se armazenada em temperatura ambiente, é recomendada para consumo por 3 a 4 dias. Mantida na geladeira, o prazo aumenta para até uma semana. Deve-se consumir a água solarizada azul diariamente, por 15 a 30 dias, a fim de minimizar a ansiedade.

7. Cores

Ainda no universo cromático, algumas tonalidades presentes no dia a dia, tanto no vestuário como em peças decorativas dos ambientes, contribuem para o bem-estar e harmonia e, consequentemente, minimiza a condição. Têm resultados melhores os tons de verde e azul celeste.

8. Sabores

Consumir bebidas específicas também é forma de espantar a sensação ruim para longe. Nesse contexto, os chamados "suchás" são boas opções. Basta combinar camomila e maracujá ou, ainda erva-cidreira com abacaxi e limão. Tais mix proporcionam melhorias na qualidade do sono e ajudam a aliviar o estresse e a ansiedade, por conta das propriedades calmantes das frutas e ervas.

9. Música

Ouvir músicas calmas é outra ótima ferramenta para o equilíbrio das emoções. Nesse contexto, as instrumentais são ainda mais indicadas.

10. Afirmações positivas

Reprogramar o subconsciente com afirmações positivas reforça a autoconfiança, a autoestima e, de quebra, afeta o sentimento de ansiedade. Vale repetir com constância frases do tipo: "Eu me amo", "Me aceito como sou" e "Sinto que sou amado".