PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

2021 será especial para signo solar e ascendente em Aquário e Leão. Entenda

Aquário sentirá os efeitos da conjunção com mais intensidade, enquanto Leão será impactado com efeitos secundários - iStock
Aquário sentirá os efeitos da conjunção com mais intensidade, enquanto Leão será impactado com efeitos secundários Imagem: iStock

Claudia Dias

Colaboração para Universa

26/12/2020 04h00

O novo ano deve trazer boas oportunidades de evolução para todos os signos do zodíaco, mas promete ser bastante especial para quem é de Aquário e Leão, devido à passagem de Júpiter e Saturno por Aquário durante todo o 2021. Escorpião e Touro também vão encontrar um período mais promissor, graças ao trânsito no céu.

Para começo de conversa, vale saber que o encontro dos dois planetas é chamado de conjunção ou, astrologicamente falando, é quando astros se encontram bem próximos ao mesmo grau em um signo ou ponto do mapa astral. Nesse caso, as energias de ambos se complementam.

O aspecto exato dessa grande conjunção de dois planetas em Aquário ocorreu em 21 de dezembro, abrindo um ciclo de 200 ano de encontros de Júpiter e Saturno em signos elemento Ar - nos últimos dois séculos, estiveram em signos do elemento Terra.

É por isso que os nativos de Aquário terão um ano especial, já que a conjunção dos astros ocorre sobre este signo. "Já Leão vai sentir o reflexo desse movimento porque se encontra em oposição a Aquário na roda do zodíaco, ou seja, o leonino terá Júpiter e Saturno opostos ao seu sol, a 180 graus", pontua a astróloga Virginia Gaia. Enquanto isso, Escorpião e Touro terão os dois planetas em quadratura (tensão causada por um ângulo de 90 graus) ao sol natal de cada um.

É por isso que tanto quem tem o signo solar como quem tem o ascendente em algum desses quatro signos sentirão o efeito da conjunção - Aquário com mais intensidade, Leão com efeitos secundários e Escorpião e Touro com influência bem mais branda.

Reflexos de Saturno e Júpiter

De acordo com Virginia Gaia, todo trânsito de Saturno sobre o Sol significa revisão de si mesmo e da própria consciência, além de renascimento. Enquanto isso, Júpiter fala de expansão da própria consciência e da oportunidade de crescimento.

"Trata-se de um momento de muitas definições e transformações para o aquariano e isso vai depender de como o nativo do signo está vivendo esse momento, podendo ser positivo ou negativo", observa a astróloga. Como ela lembra, os nascidos no primeiro decanato sentirão maior influência.

"Haverá muita mudança, transformação e coisas se decidindo, inclusive projetos que estão se arrastando. Em 2021, eles vão se definir, podendo caminhar para frente ou despencar de uma vez", exemplifica.

Em qualquer situação, as mudanças representam ganho de responsabilidade (que é um assunto saturnino) e crescimento (que é uma questão jupiteriana).

Já os leoninos, por viverem no lado oposto desse encontro de planetas, terão a experiência mais moderada. "Para eles, essa oposição tende a gerar algumas situações que se tensionam para ser resolvidas. Vão sentir mais o peso da responsabilidade. A oposição a Júpiter apresenta necessidade de perceber onde é possível crescer e a necessidade de adaptação para esse crescimento", observa.

Por fim, Touro e Escorpião, com influência bem menor, vão sentir certa resistência, atrelada à necessidade de crescimento e amadurecimento, percebendo quão importante é criar bases para evoluir.

"Saturno tem uma coisa de brecar para a gente crescer, estimulando a responsabilidade e o pé no chão, enquanto Júpiter expande. É como se jogasse no colo algo para a pessoa crescer. Como tem os dois planetas juntos, as duas situações vêm misturadas, ou seja, é possível crescer, mas é preciso criar bases para esse crescimento. Caso contrário, não acontece", reforça Virginia.

Como signos devem agir

De acordo com a astróloga, para quem é do signo solar de Aquário ou tem o ascendente nele, é preciso estar aberto para se transformar, permitindo revisão de valores, de comportamentos, de amizades e mesmo de relacionamentos. Isso é fundamental para aproveitar bem as oportunidades que o 2021 vai trazer.

Se para Aquário e ascendente o novo ano pede uma revisão do "eu", que ocorre de dentro para fora, para Leão e ascendente, essa revisão ocorre a partir do outro. Na prática, significa não se irritar tanto com os demais, necessidade de ouvir mais e não resistir a mudanças de um relacionamento ou que venham através da influência de outras pessoas.

"É necessário enxergar mais as influências externas como uma oportunidade de crescimento", opina Virginia.

Enquanto isso, Touro e Escorpião devem perceber obstáculos no caminho e tirar proveito deles. "A quadratura tem muito isso de causar resistência,

aproveitar para crescer e vencer. Tanto o taurino quanto o escorpiano precisam saber equilibrar vida profissional e pessoal, saber se dividir bem, se organizar e entender que é possível harmonizar tudo isso, sem ficar brigando", pontua.

Ritmos diferentes

O 2021 é tão importante porque a conjuntura de Saturno e Júpiter em Escorpião dura até dezembro. Depois disso, o ritmo diferente dos planetas desmancha essa combinação.

É que Saturno e Júpiter têm velocidades distintas para dar a volta no zodíaco. Enquanto Saturno demora mais ou menos 30 anos para completar a roda zodiacal, Júpiter leva em torno de 12 anos.

"Quando Saturno deixar Aquário, em março de 2023, Júpiter já estará lá na frente, em Áries, ou seja, só em 2021 é que estarão ambos em Aquário", observa Virginia.

Como ela lembra, em 7 março de 2023, Saturno deixará o signo de Aquário para entrar em Peixes. Júpiter ficará em Aquário até dezembro de 2021, quando oficialmente entra em Peixes. Entretanto, entre maio e julho, também ficará por um curto período em Peixes, voltando a Aquário com um movimento de retrogradação.

Recomendações para 2021

A seguir, Virginia dá dicas para cada signo tirar melhor proveito do novo ano:

Áries: tente fazer pausas na correria cotidiana, investindo em escapadas para lugares em que possa se isolar um pouco. Estimule a intuição e exercite a espiritualidade.

Touro: use a criatividade para desenvolver talentos até então desconhecidos ou ignorados. O 2021 vai permitir reinvenções, desde que esteja atento às oportunidades.

Gêmeos: invista no autoconhecimento para ter mais foco. Entre maio e julho, fique atento às oportunidades para desenvolvimento da carreira. Aproveite o ano para dar espaço à espiritualidade.

Câncer: como a sedução estará em alta, aproveite para o resolver o que, internamente, ainda se revela conflito em relação à sexualidade.

Leão: cuide mais de você e mantenha a autoestima em alta. Vale dar uma repaginada no visual ou até investir em atividades que proporcionem prazer.

Virgem: o carisma em alta ajudará a alcançar reconhecimento pelos esforços e ser um líder de maneira mais natural. A área de relacionamentos promete novidades a partir do segundo semestre.

Libra: com as habilidades artísticas e estéticas bem desenvolvidas, aproveite para crescer. A espiritualidade e a intuição serão aliadas para encontrar bons e novos caminhos.

Escorpião: 2021 vai energizar ainda mais a área da sexualidade, o que otimiza o período para concretizar desejos. Temas ocultos igualmente estarão em alta, permitindo o aprofundamento em temas de interesse.

Sagitário: entre maio e julho, quando o planeta regente Júpiter estiver em Peixes, a criatividade vai se revelar bem alta. O período será ótimo para trabalhar a espiritualidade e o exercício do perdão e da compaixão, sobretudo junto à família.

Capricórnio: no campo amoroso, busque mudar padrões e arriscar novas maneiras de seduzir e ter prazer. O ano ainda pode ser interessante para novas experiências e desenvolver novos talentos.

Aquário: com a criatividade em alta durante todo o ano, invista em conhecimentos que permitam desenvolver talentos. No campo do coração, use a energia para a conquista, mas só invista no que sentir segurança.

Peixes: novidades aparecerão principalmente entre os meses de maio e julho. Dê atenção a elas, pois podem revelar temas que precisarão ser trabalhados à frente.

Alto Astral