PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

Posso saber quando vou morrer? Tire dúvidas e desmistifique o tarô

Camila Eiroa

Colaboração para Universa

14/08/2020 04h00

O tarô é um oráculo de cartas muito antigo, surgido na Europa no final do século XIV. Os primeiros baralhos teriam sido criados por volta de 1410 e, de lá para cá, as cartas que adivinhariam o futuro se espalharam pelo mundo, sendo adaptadas de acordo com cada cultura, mas seguindo um sistema único de leitura até hoje.

De alguns anos para cá, a leitura de cartas tem voltado à popularidade e conquistado os jovens que estão em busca do despertar espiritual. A ferramenta, associada desde médiuns até bruxas, já ganhou diversas versões e ilustrações que fazem referência até mesmo à cultura pop: de David Bowie a Senhor dos Anéis. Mesmo em alta, existem muitas dúvidas e falta de informação sobre o oráculo. Vamos desmistificar as cartas e ver os mitos que elas carregam? Vem ler!

Tarô e baralho cigano são a mesma coisa?

Mentira! Ambos são oráculos, ou seja, ferramentas de comunicação com a espiritualidade e divinação. No entanto, o tarô segue um sistema único e decisivo para que as cartas sejam consideradas como tal. Ele consiste em 78 cartas divididas em 22 lâminas arcanos maiores e 56 de arcanos menores, divididos em quatro naipes, cada um representando um elemento da natureza. Já os maiores, contam a jornada do louco, uma jornada arquetípica do espírito.

A pessoa precisa estar incorporada para ler o tarô?

Mito! O tarô é uma ferramenta que pode ser aprendida por qualquer um que estiver disposto. Portanto, para fazer leituras, basta entender como essa ferramenta oracular funciona e colocar em prática. Porém, existem pessoas que, através da mediunidade trabalhada, conseguem trabalhar os oráculos junto com seus guias. No geral, não: você não vai ler tarô com um espírito.

Posso saber quando eu vou morrer?

É possível, através do tarô, saber se você é uma pessoa que vai viver bastante ou que terá alguns obstáculos para enfrentar no caminho. Porém, a responsabilidade e capacidade interpretativa de responder essa pergunta cabe unicamente ao tarólogo. Além do mais, existem certas coisas que podem não ser reveladas a nós para que não determinemos nossas atitudes.

Posso fazer amarração amorosa com tarô?

Não faria sentido, até porque o tarô é uma ferramenta oracular que pode ser usada para divinação ou autoconhecimento. Ou seja, não manipula energia e não, não pode ser usado para fazer ou desfazer amarração amorosa. Se te disserem isso, saia correndo, ok?

Posso descobrir se fizeram algo ruim para mim?

Sim! Muitas vezes as cartas apontam que há energias bloqueando o nosso caminho. No entanto, nem sempre isso quer dizer que alguém perdeu tempo fazendo alguma magia negativa para nos atingir. Inclusive, muitas vezes nossos próprios pensamentos e atitudes estagnam nossa energia. Tarólogos conseguem ver indicativos de bloqueio, sim, mas para entender melhor o que existe em alguns casos é necessário consultar um médium.

Dá para fazer previsões astrológicas com o tarô?

O tarô não é utilizado para fazer leituras e interpretações dos astros e seus trânsitos. No entanto, pode ser utilizado para entender como estarão as energias do mês, da semana ou do dia para cada um dos signos. O funcionamento é o mesmo, já que se trata de um oráculo, mas o direcionamento na hora da tiragem é enviesado para cada signo.

Consigo adivinhar se tenho futuro com o crush?

Consegue saber o caminho que qualquer relação vai tomar, mas fica atenta: tirar o tarô para si mesma, muitas vezes e para a mesma questão pode embananar tudo cabeça. Nada de ansiedade e respeito aos resultados que as cartas mostram. Caso contrário, há quem diga que o oráculo para de responder claramente, pregando peças para que você não use-o como muleta.

É certo cobrar por uma consulta de tarô?

Muita gente tem no imaginário que consultas de tarô não devem ser cobradas por serem um dom. No ato da cobrança, esse dom seria perdido. No entanto, lendas antigas devem permanecer no passado. Hoje em dia a leitura de tarô é profissão de muita gente, que cobram pelo tempo dedicado aos estudos e atendimentos. Isso não quer dizer que, se você não tiver dinheiro, não poderá fazer uma leitura de tarô. Muitos profissionais fazem atendimentos sociais e trabalham com valores de troca solidários.

Qualquer um pode ler tarô ou precisa de um dom?

Qualquer pessoa pode ler tarô! O único dom necessário é o da dedicação e do estudo. Portanto, se quer começar a ler as cartas, uma dica é estudar primeiro os arcanos maiores. Se conectar realmente com as cartas e simbologias contidas em seus desenhos e treinar, treinar muito.

Alto Astral