Topo

Beleza

Quer bocão? Novo tratamento promete lábios firmes e sem rugas em uma sessão

New Lips é a junção de radiofrequência microagulhada com laser - iStock Images
New Lips é a junção de radiofrequência microagulhada com laser Imagem: iStock Images

Paula Roschel

Colaboração para Universa

11/09/2019 04h00

Lábios firmes e bem desenhados são a promessa da vez nas clínicas estéticas do país. Novos procedimentos estéticos e cosméticos para a área estão focados em deixar a boca mais macia e pigmentada.

Cuidar dessa área tão sensível é desafiador, porque o tempo e fatores externos impactam mais negativamente nela do que em outros pontos do rosto. A degradação da região labial ocorre por certos motivos, como movimentos repetitivos de expressão ou da alimentação, uso de produtos cosméticos com ativos potencialmente alergênicos, falta de proteção solar e tabagismo.

"O colágeno, proteína que sustenta a pele, vai diminuindo com o passar do tempo. Isso ocorre, principalmente, após os 30 anos. Esse ritmo pode ser maior ou menor, dependendo da genética e hábitos de vida. O fumo, por exemplo, é uma das condições que mais envelhecem a região", afirma o dermatologista especialista em cosmiatria Alberto Cordeiro.

Uma nova técnica chamada de New Lips combina laser e radiofrequência microagulhada -duas técnicas que, isoladamente, já são consagradas nas clínicas- em busca da promessa de boca perfeita. O combo tem sessão rápida e de dor tolerável, já que usa anestésico tópico para amenizar possíveis sofrimentos. O procedimento é oferecido por cerca de 600 clínicas no país.

Como funciona o procedimento

O primeiro aparelho a entrar em cena no protocolo é a radiofrequência microagulhada. Ele tem um cabeçote repleto de agulhas bem finas que penetram profundamente na região e, através de ondas eletromagnéticas, fazem o aquecimento local. A temperatura chega a 70°C. Isso, segundo os especialistas, provoca a produção de colágeno, deixando a área mais firme.

"A radiofrequência microagulhada agirá na profundidade da derme, causando a contração dela e do músculo próximo. Isso gera um certo volume ao tecido, o tornando livre de imperfeições", diz Abdo Salomão, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Na sequência, entra em cena o laser Er: Yag 2.940nm disparado dentro da boca. "Essa energia trata as rugas finas superficiais, o famoso "código de barras" e melhora o vermelhão dos lábios", completa Abdo. Para arrematar, o laser também atua externamente contra linhas de expressão.

Um inchaço na região pode acontecer até sete dias após a aplicação. Também é possível observar o surgimento de herpes labial, para quem já tem o vírus. "Após a sessão, a paciente também pode ficar com a área mais avermelhada e inchada, sintomas que somem em alguns dias", afirma fisioterapeuta dermatofuncional Marina Berti.

Como a radiofrequência microagulhada usa objetos perfurantes, é preciso ter atenção redobrada em relação à higiene. "Os cabeçotes do aparelho devem ser de uso individual, já que são formados por pequenas agulhas que perfuram a pele", diz Marina de São Paulo. Casos de acne e infecções cutâneas podem surgir se a precaução não for tomada.

O procedimento não está livre de efeitos colaterais. "Caso seja feita por pessoa não capacitada, a radiofrequência microagulhada pode causar hematomas no local e o laser pode queimar a paciente, se usado na potência errada", diz a dermatologista Bruna Rezende.

Alternativa ao New Lips

Outra opção disponível no mercado para minimizar rugas e linhas periorais está sendo bastante procurada: o eletrocautério, procedimento que promete reduzir linhas, mas que exige da paciente resistência maior à dor.

Nele, uma espécie de caneta é passada na área dando descargas elétricas que inflamam o local e, por meio de cicatrização, renovam o colágeno dos lábios. Para evitar manchas, o procedimento deve ser feito durante o inverno ou com intensa proteção solar. Ao contrário do New Lips, que é feito em uma sessão, o eletrocautério precisa de quatro encontros com espaçamento mensal para surtir resultados duradouros.

NEW LIPS
O que é?: Tratamento que combina laser com radiofrequência microagulhada para rejuvenescimento labial
Resultados esperados: Boca com pele mais firme, volumosa e corada
Duração: 20 minutos
Quantidade de sessões: Única
Contraindicação: gestantes, pacientes que fazem uso de anticoagulantes sistêmicos e pacientes com câncer de pele em atividade no local
Manutenção: Anual
Valor da sessão: a partir de R$ 1200

ELETROCAUTÉRIO
O que é?: Descarga elétrica controlada para estimular a produção de colágeno em linhas e rugas da região dos lábios
Resultados esperados: Redução das rugas no entorno da boca, conhecidas como 'código de barras'
Duração: 1 hora
Quantidade de sessões: Quatro, com intervalo mensal
Contraindicação: Gestantes, lactantes, pessoas com lesão na área de aplicação e pacientes com preenchedores nos lábios
Manutenção: Semestral
Valor da sessão: A partir de R$ 250

Mais Beleza