Topo

Minha história


"Me separei há cinco anos e hoje namoro com o advogado do meu divórcio"

Casal namora e mora juntos em São Paulo; Jéssica Santiago, 31, Victor Gois, 27 - Arquivo pessoal
Casal namora e mora juntos em São Paulo; Jéssica Santiago, 31, Victor Gois, 27 Imagem: Arquivo pessoal

Marcos Candido

Da Universa

27/02/2019 04h02

A estudante de programação Jéssica Santiago, 31, tem uma história de amor peculiar. Ela namora o advogado que cuidou da papelada do seu divórcio.

Jéssica e Victor Gois, 27, se conheceram em 2014 no Twitter. O casamento de Jéssica, que já não estava muito bem, acabou.

Eis que Victor e Jéssica começaram a sair -- e a gostar um do outro. Apesar disso, era preciso oficializar o fim do casamento anterior. Victor, que é advogado, foi convidado a cuidar da papelada. O resultado você lê abaixo, na história contada por Jessica à Universa. 

"Meu casamento estava ruim e decidi encontrar com amigos para tomar chá e conversar sobre isso. Fiz um convite no Twitter perguntando se alguém mais queria participar. Aí o Victor me respondeu.

Hoje, eles namoram e moram junto com gatinhos em São Paulo - Bel Petit/Arte
Hoje, eles namoram e moram junto com gatinhos em São Paulo
Imagem: Bel Petit/Arte

Ele me seguia há anos, mas eu não o seguia. Então o convidei para ir, na amizade. Não achei que seria estranho chamar um cara do Twitter para tomar chá porque eu estaria perto dos meus amigos. Não teria nada que ele pudesse fazer de estranho.

E ele foi. E, lá, avisei ao grupo que iria me separar, e eles me deram a maior força.

Assim que comuniquei, percebi que estava levemente interessada no Victor, mas achei que ele não iria se interessar. Já tinha achado que ele era bonito. Logo que deixei de morar com meu ex, Victor me chamou para sair. E começamos a gostar um do outro. Foi inesperado. Achei que ele nem me daria bola, nem nada.

Em algum momento nesse período, meu ex se preocupou em formalizar o divórcio. Perguntei ao Victor se, por acaso, ele não gostaria de ser meu advogado nesse processo.

Já estávamos saindo, e ele teve que assinar toda a documentação e agendar um horário e local fácil para nós três. Ele sabia que eu não iria reatar ou algo assim, mas imagino que deva ser um passo complicado entrar na vida de alguém que ainda tem uma etapa incompleta.

"A gente sai muito e fazemos muitas amizades. Com ele, tenho certezas que nunca tive" - Arquivo pessoal
"A gente sai muito e fazemos muitas amizades. Com ele, tenho certezas que nunca tive"
Imagem: Arquivo pessoal

No dia da assinatura, eu e Victor fomos juntos e de mãos dadas do metrô até o cartório. Encontramos meu ex e assinei. Mas ainda precisei assinar outros papéis até o documento definitivo saísse.

Assim que o processo foi encerrado, eu pensei: acabou. O divórcio foi uma ansiedade e um momento de alegria para os três lados.

Demorou mais um ano até que começássemos a namorar oficialmente.

Eu o tinha pedido em namoro, mas de primeira ele não quis, achou cedo. Insisti, saímos mais vezes até que ele aceitou. No meu relacionamento anterior, meu ex fazia tudo. Decidi eu mesma pedir em namoro, sem esse pensamento machista de ficar insegura de que ele não aceitaria. Hoje moramos juntos, com nossos gatos lindos.

As pessoas acham bem louco namorar o advogado do meu divórcio. É engraçado. Ele estava no começo da carreira e brincam que ele tinha interesse nesse divórcio [risos].

Hoje, já namoramos há três anos. Temos interesse em casar, mas sem pressa. Meu namorado nunca foi casado, nem nada. Fiquei casada só um ano no papel, mas hoje digo que as coisas são diferentes. Victor me transformou. A gente já fez um monte de viagem legal e conheceu diversos lugares. Saímos muito e fazemos muitas amizades. Com ele, tenho certezas que nunca tive. Tudo isso foi construído e crescemos juntos.

Acho que relacionamento significa muita cumplicidade e companheirismo. Relacionamento é quando você quer a mesma coisa que o outro

Eu e Victor temos sonhos parecidos.

A gente quer conhecer o mundo juntos e dividir uma vida. Nossa casa, com nossos gatos, é o melhor universo possível para nós dois. Quando a gente chega em casa, a gente quer ter paz e carinho um lugar maravilhoso. É isso que espero."