PUBLICIDADE
Topo

Lucas Pasin

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Cauã Reymond chama a polícia para acabar festa com ex-BBB Bárbara; entenda

Lucas Pasin

Jornalista há 14 anos, Lucas Pasin já experimentou as mais diversas áreas da profissão. Da rotina em redação aos releases de uma assessoria de imprensa, passando pelo marketing digital e comunicação corporativa. Mas, sem dúvida alguma, foi na cobertura do universo dos famosos que encontrou a maior curiosidade, e talvez, por isso, o maior reconhecimento profissional.

Colunista do UOL

08/05/2022 13h49Atualizada em 09/05/2022 13h19

Este colunista traz agora o que poderia ser apenas uma simples ocorrência, típica de um sábado à noite. No entanto, o nome dos envolvidos chama a atenção.

Na noite de ontem, Cauã Reymond chamou a Polícia Militar para acabar com uma festa de seus vizinhos, num condomínio no bairro do Joá, zona oeste do Rio. Ele acompanhou duas viaturas que foram até o local. Adivinha quem estava na festa e saiu para conversar com a polícia? Bárbara Heck, participante do "BBB 22" (Globo).

De acordo com uma fonte da coluna, Cauã apareceu na porta da casa dos vizinhos por volta das 22h30, e, acompanhado da PM, pediu que diminuíssem o som ou acabassem com a festa. Os convidados, ao perceberem que era o ator global na porta, ficaram surpresos.

Bárbara Heck publicou nas redes sociais vídeos da festa em que estava  - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Bárbara Heck publicou nas redes sociais vídeos da festa em que estava
Imagem: Reprodução/Instagram

Ainda segundo uma convidada, alguns não gostaram da forma que Cauã resolveu acabar com o evento. Primeiro por conta do horário, segundo por não ter feito antes um pedido direto ou para o porteiro, sem a presença da polícia.

Procurada pela coluna, Bárbara Heck confirmou o ocorrido. Ela disse que saiu da festa para conversar com os policiais presentes, e deu mais detalhes:

Ele [Cauã] pediu para abaixarmos o som porque estava com a filha em casa. Foi tudo conversado numa boa. Abaixamos um pouco, mas não acabamos com a festa. Cauã foi muito educado.

A ex-BBB contou ainda que uma dupla estava cantando ao vivo no evento e que não imaginou que o som poderia estar incomodando por não estar muito alto. Ela confessa que "achou engraçado" quando viu que era um galã global que acompanhava a polícia.

Cauã Reymond também foi procurado para comentar o ocorrido. Por volta das 20h deste domingo (08), a assessoria de imprensa do ator procurou este colunista para informar que o ator chegou a pedir que o som da festa fosse diminuído. Avisou, inclusive, que poderia acionar a polícia caso o barulho continuasse. Como o pedido não foi atendido, o galã ligou para as autoridades.