Qual o melhor restaurante japonês de São Paulo? Conheça os 8 finalistas

Esta é a versão da newsletter Bares e Restaurantes. Quer receber toda quinta-feira no seu email dicas de lugares para comer, beber e petiscar em São Paulo? Basta se inscrever aqui.

*******

São Paulo é também a capital brasileira do sushi? O título foi ventilado lá em 2016, quando a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de São Paulo consolidou que o número de restaurantes japoneses havia ultrapassado o de churrascarias na cidade. À época, eram 600 contra 500 especializados em carnes.

De um boom que colocou sushis e sashimis das gôndolas dos supermercados ao delivery, o cenário caminha, nos restaurantes de chef, para a valorização do tradicional (com toques autorais aqui e ali) e a pesquisa dos sabores e receitas originais.

Um bom exemplo são os finalistas do Prêmio Nossa de Bares e Restaurantes na categoria de Melhor Japonês. Conheça um pouco sobre eles e vote no seu preferido.

Aizomê

Imagem
Imagem: Divulgação

O restaurante é obra da embaixadora oficial da culinária japonesa, a chef Telma Shiraishi, que dá toques autorais às receitas tradicionais. Quentes ou frios, mas sempre equilibrados, os pratos são servidos em sistema à la carte ou no omakase de sete etapas.

Alameda Fernão Cardim, 70, Paraíso. @aizomerestaurante

Continua após a publicidade

Goya Zushi

Imagem
Imagem: Thais Vieira

Intimista, o restaurante atende apenas dez clientes por vez. Do balcão, o público assiste os chefs preparando o menu degustação de quinze etapas. Receitas como os sushi de lula finalizado com gotas de limão e de vieira levemente maçaricado mudam a cada semana.

Alameda Franca, 1151, Jardins. @goyazushi

Jun Sakamoto

Imagem
Imagem: Divulgação

Sem nome na fachada, o restaurante esconde um omakase que esbanja cuidado. Pincelados com shoyu feito na casa, os sushis são coroados por barriga de salmão, olho-de-boi e outros peixes frescos. Outro destaque é o tempurá de enguia, criação do chef.

Continua após a publicidade

Rua Lisboa, 55, Pinheiros. @restaurante_junsakamoto

Kanoe

Imagem
Imagem: Divulgação

Aqui, o preparo do arroz é assunto sério. O ingrediente, considerado o mais importante do Japão, é a base do menu de dezessete etapas. A cada noite, apenas oito clientes experimentam essa jornada, focada em sushis do estilo Edomae.

Endereço divulgado apenas após reserva, Jardins. @kanoerestaurant

Makoto San

Imagem
Imagem: Divulgação

Especializado em comidas regionais do Japão, as chamadas Meibutsu Ryouri, o estabelecimento familiar e tradicional dispensa o popular salmão na construção do omakase. No lugar, os clientes encontram muitas versões de atum e peixes da época.

Continua após a publicidade

Rua Leandro Dupret, 108, Vila Clementino. @makotosanofficial

Murakami

Imagem
Imagem: Divulgação

O ambiente minimalista reflete o apreço pela simplicidade dos pratos contemporâneos. Ingredientes da alta gastronomia ganham novas versões, como o camarão-carabineiro, que é mergulhado em shoyu da casa, molho dashi e wasabi.

Alameda Lorena, 1186, Jardins. @restaurantemurakami

Shin-Zushi

Imagem
Imagem: Divulgação

Representante da autêntica cozinha japonesa, a casa se dedica ao estilo Edomae, que valoriza os sabores sutis dos alimentos regionais em seu estado natural. De arroz morno e coberturas como o carapau com gengibre e cebolinha, os sushis são exemplos disso.

Continua após a publicidade

Rua Afonso de Freitas, 169, Paraíso. @shinzushioficial

Sushi Vaz

Imagem
Imagem: Reprodução

Todo dia a equipe vai pessoalmente à peixaria para garantir os melhores peixes. Essa busca pela qualidade se traduz em pratos considerados inovadores, como o sushi de vieira com uni e o robalo com ovas de bacalhau.

Avenida Rebouças, 3415, Pinheiros. Mais dois endereços. @sushi_vaz

Agora é hora de votar!

A votação popular para eleger a melhor pizzaria de São Paulo e as outras categorias de restaurante e bares está aberta.

Continua após a publicidade

Veja aqui todos os finalistas e vote no melhor italiano,pizzaria, hamburgueria e restaurante de carnes. E ainda: melhor boteco, cozinha de bar e bar de cerveja/chope.

Coluna Bares
Por Juliana Simon

2 bares para explorar saquê e além

Imagem
Imagem: Rubens Kato/Divulgação.

Falou em comida japonesa, todo mundo lembra de saquê. Nada de errado nisso. Inclusive o Brasil tem recebido cada vez mais os exemplares mais deliciosos da terra do Sol Nascente.

Porém, não é essa a única bebida que o Japão deu ao mundo e aos criativos bartenders. E São Paulo, claro, já conhece algumas delas.

Continua após a publicidade

Shiro

Imagem
Imagem: Divulgação

No andar de cima do ótimo Kuro, o speakeasy de alma nipônica comandado por Ana Gumeri apresenta ao público, por exemplo, o awamori - destilado superfresco que vai super bem, por exemplo, no imperdível Laranja De Ouro.

R. Padre João Manuel, 712 - Cerqueira César @shirococktailbar

Koya88

Imagem
Imagem: Divulgação

Não precisa abrir mão do saquê, nem mesmo se sua pegada for um japonês mais moderninho. Exemplo disso são as criações de Thiago Pereira para um dos bares mais bacanas do "centrão" paulistano. Wasabi Sour ou Sr. Miyagi? Na dúvida, ambos.

Continua após a publicidade

R. Jesuíno Pascoal, 21 - Vila Buarque. @koya88

Coluna Belisquetes
Por Gabrielli Menezes

Os doces mais equilibrados do planeta

Imagem
Imagem: Rafael Salvador

Se eu pudesse inventar uma só reza seria para cultuar todas as receitas japonesas já inventadas e agradecer por tantos imigrantes chegarem aqui, em São Paulo. Foi pelos seus costumes à mesa que percebi o incrível no simples e, assim, me tornei fanática não só por sushis, mas pelos petiscos dos izakayas (botecos) e pela confeitaria mais equilibrada do planeta. Os preparos são delicados e pegam leve no açúcar. Veja dois ótimos exemplos:

Choux, da Vivi Wakuda Pâtisserie

Continua após a publicidade
Imagem
Imagem: Divulgação

Levíssimo, o choux cream se mantém crocante porque é recheado na hora. Prove o de creme de baunilha com pontinhos da fava que ganha o toque salgado de caramelo de missô, a pasta de soja fermentada (R$ 19).

Alameda dos Nhambiquaras, 1410, Moema. @viwakuda

Bolo de morango, da Amay Patisserie.

Imagem
Imagem: Divulgação

Nada sobra e nada falta nessa fatia (R$ 25,50) de bolo alto, que intercala o creme branco lisinho misturado a morangos cortados à massa aerada e sem glúten. Peça também um matchá latte (R$ 18,90) para acompanhar.

Continua após a publicidade

Rua Cubatão, 305, Paraíso. @amay.doces

Votação popular

Clique abaixo para selecionar o melhor restaurante japonês na sua opinião, e você também pode votar nas demais categorias do Prêmio Nossa de Bares e Restaurantes clicando aqui.

MELHOR RESTAURANTE JAPONÊS

4.666 votos
Imagem
Divulgação
Imagem
Thais Vieira
Imagem
Divulgação
Imagem
Divulgação
Imagem
Divulgação
Imagem
Divulgação
Imagem
Divulgação
Imagem
Reprodução
Votação encerrada.

Deixe seu comentário

Só para assinantes