PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro Cezar: Não dá para o Vasco viver de subir e descer no Brasileiro

Do UOL, em São Paulo

21/02/2021 04h00

O Vasco entra em campo hoje, às 16h, diante do Corinthians, na Neo Química Arena, em busca da permanência na Série A. Com a goleada do Bahia ontem diante do Fortaleza, se o clube cruzmaltino for derrotado pelo Corinthians, será rebaixado pela quarta vez na história do Brasileirão e com uma rodada de antecedência, marca difícil para o clube que tem uma das maiores torcidas do país.

No podcast Posse de Bola #101, Mauro Cezar Pereira analisa a situação do Vasco e afirma que falta muito em termos de conjunto ao time dirigido por Vanderlei Luxemburgo, da mesma forma que a equipe também não funcionava com o português Ricardo Sá Pinto.

"O Vasco pode ser rebaixado uma rodada antes, a situação é muito difícil porque o time do Vasco é um horror, como time, como conjunto, como jogo coletivo, não existe, era muito ruim com o Ricardo Sá Pinto e continua sendo ruim", diz Mauro Cezar.

"Cenário difícil para o Vasco, não que o Corinthians seja um time avassalador, não é, mas em relação ao que o Vasco faz hoje, é o favorito para o jogo e é uma situação muito difícil, de fato, pode acontecer uma 'vingança' corintiana, empurrando o Vasco para a segunda divisão", completa.

Mauro Cezar chama a atenção para a quantidade de rebaixamentos que o clube tem em um curto intervalo de tempo, além de problemas financeiros que o novo presidente Jorge Salgado precisará resolver, o que pode ficar mais difícil caso a queda ocorra.

"O que vai acontecer do Vasco se for rebaixado é realmente algo para ser discutido mais à frente, porque justamente agora que tem um presidente que pelo menos discursa no sentido de fazer algo mais racional, que é tentar reorganizar o clube, tentar começar a acertar as contas, o Vasco tem que começar a alavancar receita, porque tem potencial para isso, mas tem que estar na Série A, na Série B vai ficar muito difícil", diz o jornalista.

Mauro Cezar chama ainda a atenção em relação ao número de quedas como clube que tem uma das maiores torcidas e é considerado um dos grandes do país, com dúvidas se há casos em outros países de times que caíram tantas vezes.

"O Vasco caiu em 2008 e pode cair agora [na temporada] 2020, então são 12 anos e quatro rebaixamentos se acontecer, é muito rebaixamento para um time desse tamanho. Eu não sei se no mundo, sinceramente, tenho que pesquisar isso, se existe um clube que figure entre os times mais populares de seu país, mais vencedores, mais pesados, que tenha sofrido tantos rebaixamentos em um curto espaço de tempo", afirma Mauro.

"Isso aí de o Vasco subir e descer, isso é campanha de Norwich lá na Inglaterra, que é o time ioiô, está liderando o campeonato da segunda divisão, cai e volta. Não dá para o Vasco viver assim, é complicado e a chance é grande", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol