PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Vettori acusa Borrachinha de estar acima do peso e cogita nova categoria

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

20/10/2021 15h42

O clima entre Marvin Vettori e Paulo 'Borrachinha' está cada vez pior. Nesta quarta-feira (20), o atleta italiano conversou com a imprensa presente no UFC Apex, em Las Vegas (EUA), e acusou o rival, com quem mede forças no UFC Vegas 41 no sábado, de estar acima do peso e com intensa dificuldade de bater o limite dos pesos-médios (84 kg).

Visivelmente irritado, Vettori, que havia acabado de receber a notícia horas antes, revelou que a disputa contra o brasileiro pode ser realizada na divisão dos meio-pesados (93 kg). No entanto, o atleta número cinco do ranking oficial do UFC deixou claro que o confronto vai acontecer, independentemente da diferença de peso entre eles. Para isso, porém, ele pediu que o rival também sofra com o corte de peso.

"Ele tem problemas com peso, parece. Disse que vou lutar com ele de qualquer forma. Mas, no fim das contas, temos que ser profissionais. Ele não é profissional, mas a gente corta peso, ele tem que fazer algo. Mas a última coisa que quero é que a luta seja cancelada", ressaltou.

Ex-desafiante ao cinturão do UFC, Vettori foi superado por Israel Adesanya em junho deste ano. Curiosamente, a última apresentação de Borrachinha no octógono também foi contra o campeão dos médios, no confronto que marcou a única derrota de sua carreira como atleta profissional de MMA. O possível problema com o corte de peso do atleta pode indicar, talvez, a possibilidade de que ele mude de categoria em um futuro próximo.

"Nada é oficial. Apenas sei que ele está muito acima do peso. Teremos que achar uma solução. Sim, aceitaria lutar até 93 kg, mas vamos ver. Se ele puder fazer um pouco melhor que isso, porque ele deve ser capaz de fazer melhor do que isso. Mas no pior cenário a gente luta até 93 kg", finalizou Vettori.

Aos 28 anos, o atleta italiano acumula um cartel profissional de 17 vitórias, cinco derrotas e um empate. Por sua vez, o brasileiro, dois anos mais velho, soma 13 triunfos e apenas um revés em sua caminhada nos octógonos.

MMA