PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Marlon Moraes rebate desafio de Vera: 'Não está no nível da divisão'

Marlon Moraes, durante a pesagem do UFC na Ilha da Luta - Josh Hedges/Zuffa LLC
Marlon Moraes, durante a pesagem do UFC na Ilha da Luta Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC

Carlos Antunes, no Rio de Janeiro (RJ)

Ag. Fight

17/01/2021 08h00

Após ser derrotado por Rob Font, em dezembro de 2020, Marlon Moraes recebeu um desafio para sua próxima luta. Marlon Vera, que também atuou no mesmo evento que o brasileiro e foi superado por José Aldo, mirou uma luta contra 'Magic'. Ciente do chamado do equatoriano, o atleta natural de Nova Friburgo (RJ) negou, sem dar muitos detalhes.

Não satisfeito com a negativa, Vera admitiu que recebeu essa notícia com estranheza, por Marlon Moraes não ter dado nenhuma justificativa. Por isso, o brasileiro, que recentemente contou que iria passar por uma cirurgia no ombro, revelou, em declaração exclusiva à reportagem da Ag. Fight, o motivo de ter recusado o desafio. O peso-galo (61 kg) também não perdeu a chance de alfinetar o companheiro de categoria.

"Quando alguém está no chão todo mundo quer chutar. Quero ver o que vai falar quando eu voltar e estiver bem. Aí ele vai sumir como sempre. Teve a luta com o Aldo que ele realmente mostrou que não está no nível da divisão. Mas vamos ver no futuro. Não quero provocar e nem adianta porque não vou lutar com ele agora. Mas o futuro vai dizer quem é quem. A gente vai ver quem é lutador de verdade", rebateu o lutador.

No MMA profissional desde 2007, Marlon Moraes soma 23 vitórias, oito derrotas e um empate em sua carreira. O lutador, que já lutou pelo cinturão do peso-galo do UFC em 2019, perdeu três vezes por nocaute nas últimas quatro lutas que disputou (Henry Cejudo, Cory Sandhagen e Rob Font), vencendo apenas José Aldo, em duelo que aconteceu em dezembro de 2019, por decisão dividida dos jurados.

MMA