PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Do Bronx levou 21 socos na cabeça antes da virada que lhe rendeu o cinturão

Michael Chandler acerta golpes em Charles do Bronx, durante luta no UFC 262 - Josh Hedges/Zuffa LLC
Michael Chandler acerta golpes em Charles do Bronx, durante luta no UFC 262 Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC

Do UOL, em São Paulo

16/05/2021 09h22

Charles do Bronx conquistou o cinturão dos leves do UFC ontem (15) depois resistir a um primeiro round bastante complicado contra Michael Chandler. Nos cinco minutos iniciais, o brasileiro levou 21 golpes na cabeça e esteve muito perto de ser nocauteado pelo norte-americano.

Os números gerais de golpes evidenciaram a superioridade de Chandler no primeiro round. Além dos 21 na cabeça, ele acertou outros cinco no corpo e mais dois nas pernas do brasileiro. Charles, por outro lado, conseguiu atingir o norte-americano apenas seis vezes na cabeça, uma no corpo e três na perna.

Para dois dos três jurados que avaliavam a luta, o domínio de Chandler no primeiro round mereceu um 10 a 8 - o terceiro entendeu que foi 10 a 9.

"Ele me pegou em uma guilhotina [no primeiro round], estava bem ajustada e eu falei: 'desmaio, mas não desisto'. E ele deixou escapar. Fui para suas costas, tentei segurar um pouco, mas ele tem um ritmo muito forte, me puniu muito. Ainda assim, consegui permanecer em pé. Quando me sentei entre os rounds, meus técnicos pediram para descansar e manter a calma. Voltei sabendo que minha mão também era pesada. Quando acertasse ele, ele ia sentir também", analisou Do Bronx, logo depois da luta.

A previsão estava correta. O brasileiro apresentou um desempenho melhor em pé no segundo round e nocauteou Chandler em apenas 19 segundos. Nesse período, foram 14 golpes na cabeça do norte-americano.

"Eu sabia que a vitória era nossa, eu não ia desistir", completou Do Bronx.

MMA