PUBLICIDADE
Topo

Prata em 2016, Felipe Wu fica entre os últimos e é eliminado

Brasileiro Felipe Wu em ação em Tóquio - Wander Roberto/COB
Brasileiro Felipe Wu em ação em Tóquio Imagem: Wander Roberto/COB

Colaboração para o UOL, de São Paulo

24/07/2021 02h22

Medalha de prata em 2016, Felipe Wu participou hoje (24) da disputa dos 10 metros com pistola de ar no tiro esportivo. Porém, o brasileiro passou longe de conseguir repetir o feito em Tóquio. Wu ficou em 32º colocado entre os 36 atiradores que disputaram as qualificatórias e foi eliminado - apenas oito avançaram à final.

Felipe teve uma atuação regular durante as primeiras três séries, fazendo 94 pontos em cada uma. O indiano Chaudhary Saurabh liderava a prova com duas séries com 98 pontos e a quarta série perfeita com 100 pontos - ou seja, com todos os dez tiros na mira central.

Na quarta série, Wu teve o seu pior desempenho, fazendo 92 pontos. Conseguiu melhorar na quinta rodada, fazendo 95, e fechou a sua participação com 97 pontos na última série. Foi a melhor que conseguiu alcançar neste ano em Tóquio.

O medalhista de ouro em 2016, o vietnamita Xuan Vinh Hoang, também não conseguiu se classificar às finais, mas ficou com a 22ª colocação. Entre os medalhistas no Rio 2016, apenas o chinês Wei Pang avançou.

Felipe Wu conquistou a medalha de prata no Rio de Janeiro nesta mesma prova, mas não vinha de um ciclo fácil. Sua classificação para Tóquio veio apenas no Copa do Mundo, disputada em março, quando ficou com o quarto lugar. Ele foi o primeiro medalhista do Brasil no tiro esportivo desde Antuérpia-1920.