PUBLICIDADE
Topo

'Saída de Messi pode mudar muita coisa no Barcelona', diz Rivaldo

Lionel Messi, durante partida do Barcelona contra o Mallorca, em 13/6/2020 - David Ramos/Getty Images
Lionel Messi, durante partida do Barcelona contra o Mallorca, em 13/6/2020 Imagem: David Ramos/Getty Images

03/07/2020 17h46

Na manhã de hoje, uma bomba caiu sobre a cabeça dos torcedores do Barcelona quando o jornal espanhol Sport publicou em seu site que Lionel Messi suspendeu as negociações para ampliação de seu contrato com o clube. O atual acordo termina em julho de 2021 — e nunca foi tão grande a possibilidade do argentino deixar o clube. O craque Rivaldo, embaixador da Betfair.net, comentou o assunto.

"Primeiro, é importante saber se essa informação é realmente verdadeira e não apenas especulação para gerar mais polêmica. Mas com apenas um ano de contrato isso pode ser real, embora, como já disse antes, sigo acreditando que ele pode terminar sua carreira no Barcelona. De qualquer modo, se sair não o vejo em outro time europeu. Mas para ele chegar ao ponto de querer ir embora, é claro que o ambiente não está legal no time e talvez ele esteja se sentindo um pouco triste e cansado de tudo isso que vem acontecendo nos últimos tempos".

O impacto para o Barcelona de perder sua principal estrela há mais de uma década também foi avaliado por Rivaldo: "Esse é um momento muito difícil para o Barcelona e uma eventual saída do Messi pode mudar muita coisa no clube, desde o presidente até diretores e treinadores. Os resultados também não estão sendo satisfatórios e o time pode ter perdido a Liga Espanhola, então tudo isso gera muita especulação e instabilidade".

"O presidente também tem a pressão adicional por ter contratado esse treinador que, com todo o respeito, não acho que seja técnico para o Barcelona. Para mim, o Barcelona precisa ter um técnico mais reconhecido internacionalmente para ter o respeito de todo o mundo, incluindo os jogadores. De momento, vejo o Quique Setién um pouco perdido, e isso é normal para um técnico que estava acostumado a lidar com times medianos da Espanha. Aquela substituição do Griezmann no jogo passado foi realmente demonstrativa disso e, pessoalmente, eu não teria entrado em campo naquela altura do jogo se fosse chamado. A cara do Simeone disse tudo, aquilo foi uma humilhação para um campeão do mundo, o melhor jogador do Atlético por muitos anos e alguém contratado a peso de ouro. Depois dessa substituição, eu acho que o Setién só poderia continuar se por milagre vencesse a La Liga e a Champions, caso contrário sairá no final da época ou até antes", disse o pentacampeão brasileiro, que é embaixador da Betfair.net.

Próxima parada?

A Betfair.net também calculou qual poderia ser o destino mais provável de Messi, caso ele realmente deixe o Barcelona. A ligação com seu ex-técnico Pep Guardiola é um dos fatores que coloca o Manchester City na liderança dessa lista, com 31% de chances de ser o próximo clube de Messi, seguido pela Juventus, com 20% - ver o argentino jogar ao lado de Cristiano Ronaldo, seu histórico rival, sempre foi um sonho de muitos torcedores. Confira a lista completa.

Na opinião de Rivaldo, Messi não teria problemas de adaptação para jogar na Inglaterra: "Ele terá 34 anos nessa altura, mas com sua classe acredito que pode jogar tranquilamente no futebol inglês. Será triste ele sair a custo zero, e eu torço que ele continue no Barcelona, mas é claro que ele pode se sentir tentado a se reunir com o Guardiola com quem formou grande parceria".

"Talvez o Barcelona mudando para um treinador conhecido ou mais respeitado pelo Messi faça ele mudar de ideia, até se fala do português Jorge Jesus, e quem sabe ele pudesse ganhar um novo ânimo com algo desse tipo", disse Rivaldo.

Barcelona