PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Calendário 'tranquilo' põe DM do São Paulo em xeque no fim de temporada

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

28/09/2021 08h00

Classificação e Jogos

O São Paulo começa a ter uma rotina mais tranquila nesta reta final de temporada após as eliminações na Copa do Brasil e na Copa Libertadores. Bastante prejudicado pelo calendário apertado de 2021, o técnico Hernán Crespo espera não perder mais atletas por lesões, já que o departamento médico agora não poderá justificar os recorrentes problemas físicos pela dura maratona de jogos.

Com apenas o Campeonato Brasileiro para disputar, Hernán Crespo e seus comandados terão mais tempo para trabalhar, mas também para descansar. Depois de ter enfrentado o Atlético-MG no último sábado, o São Paulo agora só entra em campo no domingo, ganhando um intervalo de oito dias.

Não à toa, o elenco folgou domingo e segunda-feira após o empate sem gols com o Galo no Morumbi. O próximo compromisso do Tricolor acontece no dia 3 de outubro, contra a Chapecoense, em Chapecó.

O São Paulo ainda tem mais 16 jogos para disputar no Campeonato Brasileiro. Eventualmente o time de Crespo deverá ter de volta os jogos no meio de semana, uma vez que a CBF fará de tudo para que a data do término da competição não se estenda demasiadamente.

Mas, pelo menos por enquanto, os prazos entre as partidas do Brasileirão serão maiores, e, assim, a tendência é que menos jogadores recorram ao departamento médico por causa de problemas físicos. Caso contrário, novas dúvidas surgirão sobre os procedimentos e a competência dos profissionais da área de saúde do São Paulo.

São Paulo