PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lisca explica que vai modificar a maneira do Vasco jogar

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

02/08/2021 19h48

A lua de mel que marcou os primeiros dias do técnico Lisca no Vasco acabou. O clima de confiança que reinou após a vitória sobre o Guarani deu lugar à apreensão após duas derrotas seguidas.

Na estreia do substituto de Marcelo Cabo, o Cruzmaltino surpreendeu ao golear o Bugre por 4 a 1, em São Januário. Mas, na sequência, perdeu para o São Paulo no jogo de ida das oitavas da Copa do Brasil, e para o Botafogo, pela Série B.

Nas duas derrotas, o ataque vascaíno passou em branco e a equipe levou dois gols em cada confronto. "Não estamos conseguindo, dentro das características da equipe, ter eficácia, efetividade no último terço do campo. Então nós vamos ter que analisar e talvez vamos ter que mudar a estratégia", afirmou Lisca em coletiva.

"Fazer um jogo mais direto, mais objetivo e não tanto trabalhado, mas um jogo mais seguro. Porque não estamos conseguindo, apesar de ter mais posse, transformar isso em situações de gol", completou.

O treinador não terá muito tempo para acertar as coisas. Nesta quarta-feira, o Vasco recebe o São Paulo na decisão da vaga nas quartas do mata-mata, precisando reverter a desvantagem de 2 a 0. No sábado, a equipe estará em Salvador para enfrentar o Vitória, pela Série B.

O momento é crítico na temporada. Se cair na Copa do Brasil, restará apenas o Brasileiro e o acesso será muito cobrado. O treinador já indica que pedirá a contratação de reforços à diretoria.

"Internamente estamos discutindo uma série de ações. Meu projeto é simples: a busca pela Série A. A gente ainda não frequentou o G-4, nos aproximamos bem na última rodada com o Guarani, mas não conseguimos. Não conseguimos ter a contundência e a força necessária. Vamos conversar e buscar soluções. Buscar solução em casa e buscar fora se for necessário", disse Lisca.

Futebol