PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lesões e incômodos dificultam sequência para Keno no Atlético-MG

Keno foi o autor do gol da vitória do Atlético-MG sobre o Inter - Agência I7/Mineirão
Keno foi o autor do gol da vitória do Atlético-MG sobre o Inter Imagem: Agência I7/Mineirão

Lohanna Lima

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte, MG

15/05/2022 04h00

O início de temporada do atacante Keno não tem sido dos mais fáceis no Atlético-MG. Peça importante na conquista do Campeonato Brasileiro do ano passado, o jogador vem sofrendo com a falta de sequência por fatores externos. Em quatro meses, o atacante já conviveu com a Covid-19, uma lesão no olho, dores no quadril e agora uma possível lesão no músculo adutor da coxa direita, que fez com que atleta chorasse ao ser substituído na vitória diante do Atlético-GO, por 2 a 0, nesse sábado (14), pelo Campeonato Brasileiro.

Após o jogo, o Atlético informou a situação médica de Keno e disse que o jogador passará por uma reavaliação. Sendo assim, no momento, ele é dúvida para o jogo contra o Independiente del Vale, quinta-feira (19), às 19h (de Brasília), pela 5ª rodada a fase de grupos da Libertadores. Caso não esteja disponível, este será o terceiro jogo do torneio internacional que ele perderá. No mês passado, devido a dores no quadril, ele ficou de fora do confronto contra o América-MG. Posteriormente, uma lesão no olho também o tirou de combate.

O problema no olho ocorreu em um lance infeliz em um dos treinamentos do time. Na atividade, um dos companheiros da equipe acertou o olho de Keno, que precisou passar por um procedimento cirúrgico. Ele ficou fora por cerca de 15 dias até se recuperar totalmente, o que fez com que ele ficasse de fora de jogos do Brasileiro, da Libertadores e Copa do Brasil.

A estreia do jogador na temporada já foi tardia. Seu primeiro jogo foi diante do América, já na sexta rodada do Campeonato Mineiro. Isso porque o atacante se contaminou com a Covid-19 ainda na pré-temporada. Passado o período de isolamento, o atleta ficou uns dias a mais aprimorando a parte física até voltar a ficar à disposição do técnico Tony Mohamed.

Na atual temporada, Keno atuou em 14 jogos, marcou um gol e contribuiu com uma assistência. No ano passado, ele teve ascensão maior na reta final da temporada, quando foi o herói do jogo contra o Bahia, ao marcar duas vezes. A partida sacramentou o título de campeão brasileiro ao Galo. Em 2021,

Futebol