PUBLICIDADE
Topo

Futebol

'Panela' de Cristiano Ronaldo divide vestiário do United, diz jornal

Cristiano Ronaldo lamenta chance perdida no duelo entre Manchester United e Newcastle - Lee Smith/Reuters
Cristiano Ronaldo lamenta chance perdida no duelo entre Manchester United e Newcastle Imagem: Lee Smith/Reuters

Do UOL, em São Paulo

11/01/2022 14h06

O clima segue tenso no Manchester United. Segundo o jornal britânico The Mirror, o vestiário da equipe está dividida em dois grupos: Cristiano Ronaldo e atletas que falam português de um lado e os que não falam de outro.

Nomes como Cristiano Ronaldo, Bruno Fernandes, Diogo Dalot, Fred e Alex Telles não conseguem estabelecer uma boa comunicação com aqueles que não falam o português, segundo o jornalista Alex Crook, do site britânico Talk Sport, citado pelo The Mirror.

Ainda há relatos que tensão com os métodos do treinador interino Ralf Rangnick, que assumiu em novembro, mas admitiu que tem vários jogadores infelizes em sua equipe.

"Acho que existem alguns problemas. Claramente, há problemas no vestiário e vimos que o agente de Cristiano Ronaldo está voando porque seu cliente não está absolutamente convencido de que ele fez a jogada certa [ao se transferir para o Manchester United] no sentido de adicionar troféus ao seu brilhante currículo", escreveu o jornalista.

No final de semana, Jorge Mendes, agente do craque português viajou ao Reino Unido para conversar sobre o futuro dele no United. O jogador estaria frustrado com o próprio desempenho e, sobretudo, com as táticas e o estilo de Rangnick. O jogador teria dado um "ultimato" à diretoria do clube e se mostrou disposto a rescindir seu contrato caso a escolha pelo novo treinador, que deve acontecer ao fim da temporada, não seja do seu agrado.

Longe dos líderes, o United tem apenas 31 pontos em 19 jogos, em sétimo na tabela da Premier League.

Futebol