PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

SPFC tem pior ataque e 3ª defesa mais vazada de seus 10 últimos Brasileiros

Luciano se lamenta durante a partida entre São Paulo e Fluminense - Miguel SCHINCARIOL/SÃO PAULO FC
Luciano se lamenta durante a partida entre São Paulo e Fluminense Imagem: Miguel SCHINCARIOL/SÃO PAULO FC

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

05/09/2021 04h00

Sem calendário por mais uma semana, o São Paulo se prepara para voltar ao Brasileirão em busca de melhorar os fracos números de gols marcados até aqui. Em 18 jogos, a equipe comandada por Hernán Crespo balançou as redes apenas 15 vezes, a pior marca das últimas 10 edições do torneio após 18 partidas.

A temporada que mais se aproximou foi 2013. Nos 18 primeiros jogos, o São Paulo marcou apenas 17 gols. O fraco poder ofensivo fez com que a equipe chegasse a brigar contra o rebaixamento em boa parte do primeiro turno.

Os problemas ofensivos do São Paulo na atual temporada passam pela dificuldade em achar uma dupla titular no ataque. Pablo é o atual artilheiro do time no torneio, com três gols, seguido por Emiliano Rigoni, com dois. Depois, o único atacante com gol marcado foi Éder, com uma bola na rede. Fora por mais de 60 dias para tratar uma lesão muscular, Luciano ainda não fez nenhum gol na competição.

A ida do São Paulo ao mercado visava resolver esse problema. Desde que chegou ao clube, Hernán Crespo pediu um centroavante. No último dia da janela de transferências internacionais, a diretoria acertou a contratação de Jonathan Calleri. O atacante argentino chega ao time do Morumbi para a sua segunda passagem. Em 2016, ele marcou 16 gols em apenas seis meses.

Se o ataque ainda deixa a desejar, o sistema defensivo também não tem contribuído. A equipe tem a sexta pior defesa do Brasileirão, com 20 gols sofridos. Em comparação com o passado, é o terceiro pior desempenho do time do Morumbi nas últimas 10 edições do torneio depois de 18 partidas.

A atual campanha é melhor apenas que 2017 (24 gols sofridos) e 2012 (22), além de empatar com a já citada temporada de 2013 e a de 2014. Aquela, no entanto, era compensada pelo bom desempenho ofensivo: 29 gols marcados em 18 jogos.

O São Paulo ainda terá mais uma semana de treinos para corrigir os problemas ofensivos e defensivos. No dia 12 de setembro, a equipe visita o Fluminense, pela 20ª rodada do Brasileiro - o duelo contra o América-MG, pela 19ª rodada, foi adiado e ainda não tem data para acontecer.

Confira o desempenho do São Paulo nos primeiros 18 jogos das últimas edições do Brasileirão (2012-2021):

2021 - 15 gols marcados, 20 sofridos
2020 - 29 gols marcados, 17 sofridos
2019 - 20 gols marcados, 12 sofridos
2018 - 30 gols marcados, 16 sofridos
2017 - 21 gols marcados, 24 sofridos
2016 - 19 gols marcados, 19 sofridos
2015 - 25 gols marcados, 18 sofridos
2014 - 29 gols marcados, 20 sofridos
2013 - 17 gols marcados, 20 sofridos
2012 - 27 gols marcados, 22 sofridos

São Paulo