PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Alicia: "Situação de Ramírez fica bem complicada se não ganhar Gre-Nal"

Do UOL, em São Paulo

12/05/2021 12h00

Classificação e Jogos

O Internacional complicou sua situação na Libertadores ao perder por 2 a 1 de virada para o Deportivo Táchira nesta terça-feira (11) na Venezuela. O resultado embolou o grupo B da competição sul-americana, e agora o time gaúcho volta suas atenções para a final estadual contra o Grêmio.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte - com os jornalistas Vinícius Mesquita, José Trajano, Alicia Klein e Danilo Lavieri - os colunistas consideram que a derrota fora de casa na Libertadores gera um alerta para o Gre-Nal decisivo do Gauchão - e a pressão sobre o técnico Miguel Ángel Ramírez deve aumentar se o Colorado não superar o maior rival.

"Fica muito clara a dificuldade do Inter de converter seu domínio e a posse de bola em gol. Quem vê os números se pergunta como o Inter não ganhou a partida. O time está sofrendo muito com isso. Quando chegar no Gre-Nal, a coisa é mais complicada. Se ganhar, dá um respiro; se não, fica bem complicada a situação do Miguel Ángel Ramírez", avaliou Alicia.

Lavieri considera que o treinador vive um período de altos e baixos no clube. "O Inter caiu muito no segundo tempo e o Lomba teve que fazer algumas defesas para evitar um placar ainda pior. Esse Inter começa em uma montanha-russa com o Ramírez. No fim de semana tem a prova de fogo, já que enfrenta o Grêmio. Se perder, ele vai começar a entender a pressão que será gerada com essa derrota", comentou.

Alicia ressaltou que as duas derrotas na Libertadores (para Always Ready e Deportivo Táchira) complicam não apenas a situação do Inter na competição, mas deixam Ramírez em posição questionável. "O Inter caiu em um grupo fraco. Classificar-se é o mínimo, mas não conseguir ser primeiro desse grupo já não é um bom resultado para o começo de trabalho dele", concluiu.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol