PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Casares revela ação do marketing para São Paulo pagar acordo com Dani Alves

Daniel Alves durante o clássico entre Palmeiras e São Paulo, no Allianz Parque, pelo Paulistão - Rubens Chiri / saopaulofc.net
Daniel Alves durante o clássico entre Palmeiras e São Paulo, no Allianz Parque, pelo Paulistão Imagem: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo

30/04/2021 14h59

O São Paulo estuda uma forma de quitar a dívida de cerca de R$ 12 milhões com Daniel Alves. Com o auxílio do departamento de marketing e o estafe do jogador, o clube trabalha possíveis ações com a imagem do craque a fim de pagar a pendência, criada nos primeiros meses de contrato, ainda na gestão de Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco.

O presidente Julio Casares explica que há um projeto em curso para que o clube quite a pendência com o atleta de 37 anos.

"Nós temos uma área que está profissionalizada. O Eduardo Toni trabalhou bem e temos uma boa equipe de marketing. A questão de Daniel Alves deveria preceder o planejamento para depois vir o nome. Mantemos diálogo com o Daniel e com a equipe dele. Estamos tentando recuperar isso. Ele participa e tem uma boa vontade muito grande. Teremos notícias importantes em breve com a participação do Daniel. É um grande produto de marketing, de mercado, o maior lateral do mundo. Teremos, em breve, a questão do Daniel liquidada e também com os demais atletas", afirmou o mandatário.

Daniel Alves tem contrato com o São Paulo até dezembro de 2022. O jogador custa R$ 25,3 milhões por ano aos cofres do clube. De acordo com o balanço financeiro do Tricolor paulista na temporada passada, a dívida com o atleta é de R$ 9 milhões.

São Paulo